COTIDIANO

Contenção do crime na região é resultado das estratégias policiais

  • 13/07/2019 04:02

Que a segurança na região de Presidente Prudente é destaque no Estado de São Paulo, isso não é novidade. Esta afirmação tem sido salientada pelas forças policiais há algum tempo, desde que os índices de criminalidade começaram a diminuir no decorrer dos anos. Dentre os dados já noticiados por este diário, destacam-se quedas nos números de furtos, roubos e homicídios. O resultado disso é a união entre as polícias Civil e Militar, que trabalham de maneira estratégica para agirem em defesa da sociedade e preservação da segurança pública. Este trabalho conjunto propicia não apenas números, mas a garantia de que a sociedade poderá ir e vir em paz, sem que seja alvo fácil dos bandidos.

Mas é preciso que o cidadão não demonstre vulnerabilidade, uma vez que as polícias também dependem das denúncias para chegarem aos criminosos. Quando a polícia prova que está fazendo o seu serviço, essa união tende a ser cada vez mais próxima. Prova disso é a quantidade de flagrantes noticiada pelas páginas deste diário, em que foi possível coibir a ação do traficante, por exemplo, depois de denúncias feitas aos policiais que atuam no patrulhamento ostensivo. Diante dos dados colhidos e prisões efetuadas, informações acerca do delito são levadas aos setores de investigação para a elaboração de estratégias, o que resultará na localização de outros criminosos.

O trabalho desmantela muitos grupos que atuam nos municípios, perceptíveis em pequenas e grandes operações de combate. Alguns dos presos são membros de facções criminosas, que são retirados das ruas e impedidos de representarem os chefões das cadeias. Às vezes, a detenção de apenas um ou dois leva ao desmembramento de um grupo gigantesco. É necessário também lembrar do serviço de inteligência da Polícia Judiciária, responsável pelas investigações de maiores complexidades a nível regional, que cumpre mandados de prisões, buscas e apreensões.

Os policiais têm alcançado êxito em prender bandidos e garantir a sensação de paz nas ruas. É óbvio que nunca estamos completamente seguros, até porque o criminoso está em todos os lugares, atuando de diferentes formas. Mas quando se observa equipes em massa nas ruas, o que é visto com frequência pelo menos em Presidente Prudente, a comunidade se sente assistida, o que garantirá em uma parceria cada vez mais próxima com as forças de segurança pública. 

ÚLTIMAS DO AUTOR