• Gabriel Aragão, Com mais da metade dos participantes da comunidade, concurso atingiu seu objetivo

    Gabriel Aragão, Com mais da metade dos participantes da comunidade, concurso atingiu seu objetivo

  • Cedida, A foto vencedora tem como título

    Cedida, A foto vencedora tem como título "Rural x Urbano" e foi feita por Gilson Oliveira

  • Cedida, Bruno Fernandes produziu a fotografia

    Cedida, Bruno Fernandes produziu a fotografia "Ontem à noite"

  • Cedida, A fotografia de Tamara Mármore recebeu o título

    Cedida, A fotografia de Tamara Mármore recebeu o título "Com a sua licença"

Fotografia Facopp premia vencedores do concurso do centenário

 14/11/2017  - Da Redação

A A A

O 1º Prêmio Facopp de Fotografia foi anunciado na noite de sexta-feira, no Espaço Sollarium, campus 2 da Unoeste (Universidade do Oeste Paulista). Os três primeiros colocados receberam câmeras fotográficas profissionais. Foram inscritas 175 fotografias, de 69 fotógrafos profissionais e amadores, que trataram dos cem anos de Presidente Prudente, comemorados no último mês de setembro.

As fotografias foram analisadas por uma banca constituída por cinco jurados: a professora, curadora e crítica do jornal Estadão, Simoneta Persichetti, o professor de fotografia e especialista em equipamentos fotográficos, Thales Trigo, o jornalista e colunista social, Sinomar Calmona; o jornalista e fotógrafo Adriano Kirihara e o fotógrafo publicitário Anselmo Ueti.

Para o jurado Adriano Kihiraha, os critérios de avaliação foram as técnicas fotográficas usadas e a forma que os candidatos pensaram no tema proposto. “Em concursos como este todos saem ganhando, pois o tema incentiva a preservação da história da cidade através da imagem”.

O primeiro lugar ficou com Gilson Garcia de Oliveira, fotógrafo, que ganhou uma câmera Canon Eos 70D. Já o segundo colocado foi Tamara Cristina Mármore estudante de Estatística, que recebeu como prêmio uma Nikon D3400. E em terceiro lugar, o fotógrafo Bruno Fernandes que levou para casa a Sony DSC-H300.

As 30 melhores imagens irão compor uma exposição itinerante entre os meses de janeiro e abril. Já as 13 primeiras colocadas farão parte de um calendário de mesa do ano de 2018. A lista dos vencedores foi fechada da seguinte forma: Gilson Garcia de Oliveira (1º e 22º lugar), Tamara Cristina Mármore (2º lugar), Bruno Fernandes (3º, 6º e 21º lugar), José Fernandes de Oliveira Santos (4º), Eric Ueite (5º e 28º), Sérgio Elias Mativi (7º), Alexsandro Silvestre Gonzaga (8º, 9º e 26º), José Roberto Pereira de Sousa (10º e 13º), Anderson Mariano (11º), Fábio Tanaka (12º), Leonardo Rampasso Batista (14º), Brenda Mariana R. de Oliveira (15º), Jennifer Carolina F Morales (16º), Helio Henrique J. Silva, (17º), Flávia Pelloso (18º), Gustavo Henrique A. Toledo (19º), Pedro Guilherme Prado Santos (20º), Fernando Celestino (23º), Marcel Freitas Sachetti (24º) Bruno Goés Saia (25º), Marcelo Andrade de Oliveira (27º), Roberto Roncolato (29º) e Victor Jorge da Silva (30º).

O vencedor Gilson Garcia de Oliveira é funcionário público aposentado e fotógrafo de eventos desde 1988. Ele conseguiu classificar duas fotografias, a “Rural e Urbano” e “Caminho das Torres”. “Vi o tema e passei algumas horas pensando a melhor forma de executar a imagem e onde fazer de forma bem criativa. Ver que a dedicação que tenho pela fotografia foi recompensada é muito emocionante”, contou ele.

A coordenadora do curso de Fotografia, Carolina Mancuzo disse que as expectativas em fazer o concurso chegar até a comunidade foram correspondidas. “Conseguimos atingir nosso objetivo principal que é mostrar como a fotografia está presente na vida da população. Tivemos um resultado tão positivo que a partir de 2018 o prêmio será acessível não só para Presidente Prudente, mas para o Brasil todo, já que o processo de inscrição é online.”

Cerimônia

A abertura da cerimônia de premiação ficou por conta da banda Média 7, formada por professores, alunos e ex-alunos da Facopp, que levantou o astral dos convidados com músicas do rock nacional e MPB. A transmissão do evento foi ao vivo pelo canal da TV Facopp no YouTube (www.youtube.com/tvfacopponline). Já a apresentação da festa foi realizada por Iuri Greghi, também ex-aluno da faculdade.

O responsável pela organização do evento, Everton Tomiazzi disse que esta primeira edição do prêmio vai servir muito de referência para os próximos participantes. “Esperamos que para o próximo evento as pessoas se inspirem nesses vencedores. Todos os finalistas usaram muito a sensibilidade. Não basta ter um equipamento bom se não executar a fotografia com emoção.”

Antes do anúncio dos vencedores a Facopp realizou uma surpresa para a veterana da primeira turma de Jornalismo, Tatiana Shirasaki. Formada em Jornalismo e em Direito, ela atua como fotógrafa em Mayville, cidade de Wisconsin no EUA, há quinze anos. Ela também trabalha na Universidade de Direito de Wisconsin, onde fez seu mestrado. Ela exerceu o Jornalismo em Presidente Prudente como repórter, fotógrafa do jornal Oeste Notícias e como produtora na TV Fronteira. Desde a infância era notável seu interesse pelo Jornalismo. “Quando criança eu gostava de brincar de produzir as notícias e montava uma bancada do Jornal Nacional em casa” lembra Tatiana.

Tatiana disse ser muito grata ao professor de Fotografia, Paulo Miguel, que lhe inspirou muito em relação a essa profissão e orientou sua primeira exposição fotográfica chamada “Marias”. ”Acredito na importância de incentivar a comunidade a praticar a arte e fazer fotografias que possam futuramente documentar a cidade.”

Atualmente Tatiana também atua como voluntária no campo dos Direitos Humanos. “O legal do meu trabalho é poder tocar e ajudar as pessoas de alguma forma. Acho que é nesse ponto de proximidade das pessoas que o interesse pelas três profissões surgiu”, finaliza.

Com AI

Comentário