11 de janeiro de 2017 às 09h22 - Esporte
Imprimir
RSS

Atleta lamenta desclassificação

por THIAGO MORELLO-Da Redação

COPINHA Luiz Fernando, da Penapolense, marcou um gol, mas time perdeu para a Ponte Preta, por 6 a 1

“Queria continuar a boa sequência que estávamos fazendo”. Essa era a vontade do pirapozense Luiz Fernando da Silva, centroavante da Penapolense. Mesmo marcando o único gol do time na partida, em disputa pela Copa São Paulo de Futebol Júnior 2017, o jogador deu adeus à competição anteontem à noite, no estádio Bento de Abreu, em Marília, após perder por 6 a 1 da Ponte Preta.

Surpresa é o sentimento que norteia os jogadores da Penapolense. De acordo com Luiz Fernando, o time vinha de uma boa sequência no campeonato, sem derrotas, e não esperava por esse resultado. “Nós estávamos confiantes na partida, porém o placar não foi nada positivo. Tivemos oportunidades, mas as falhas apareceram e o adversário conseguiu aproveitar as deixas e marcar. Foi uma diferença muito grande, o que não imaginávamos”, relata.

De Pirapozinho, Luiz Fernando atua como centroavante na Penapolense

Apesar do placar inimaginável, aos 25 minutos do primeiro tempo, o jogador conseguiu marcar o gol de honra da partida. Após ficar cara a cara com Rodrigo, goleiro da macaca, Luiz Fernando foi feliz na jogada e finalizou. “No período inicial a gente conseguiu se sobressair e empatar, foi quando tivemos as melhores chances e mostramos um bom posicionamento em campo. Porém, no final do primeiro tempo, levamos outro gol”, lamenta o jogador.

E foi a partir daí, segundo o centroavante, que os problemas começaram. Conforme ele, a equipe voltou para o segundo tempo perdida e de certa forma desestruturada, o que refletiu na inevitável goleada. Mas, segundo ele, existem motivos para comemorar. “O clube nunca tinha passado da fase de grupos desse campeonato, então foi uma conquista interna. A gente fez isso acontecer e ficamos muito felizes”, afirma.

Em disputa pela Copa, o time passou em segundo, na fase de grupos. Com cinco pontos, totalizou uma vitória contra o Paysandu e dois empates, encarando o Volta Redonda e o Paraná.

A felicidade é maior ainda quando a experiência retirada de tudo isso é positiva. Atuando pela primeira vez em uma Copa São Paulo de Futebol Júnior, o jogador garante que foi um aprendizado muito grande, que o fez valorizar mais o futebol. Sobre as dificuldades enfrentadas, Luiz Fernando afirma que “a pressão é maior, pois o embate se dá com equipes bem mais preparadas, seja técnica, física ou psicologicamente”.

Após a despedida da competição, o clube já tem outro foco. A próxima atuação do grupo será na primeira divisão do Campeonato Paulista Sub-20, que tem início em abril.