11 de janeiro de 2017 às 08h25 - Prudente
Imprimir
RSS

Inadimplência com IPTU atinge R$ 136 mi em PP

por MARIANE GASPARETO-Da Redação

Entrega dos talonários do Imposto Predial e Territorial Urbano iniciou ontem e segue até o dia 31 deste mês pelos Correios

Os 121.633 contribuintes que receberão os talonários do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) começaram a receber ontem os carnês, que serão entregues até o dia 31 deste mês pelos Correios. A previsão da Sefin (Secretaria Municipal de Finanças) é de arrecadar R$ 40 milhões com o pagamento do imposto neste ano. Conforme o titular da pasta, Cadmo Lupércio Garcia, atualmente, o montante dos débitos ativos e ajuizados do IPTU, por conta da inadimplência dos contribuintes do município, chega a R$ 136 milhões.

Talonários do imposto serão entregues pelos Correios aos contribuintes até dia 31

O secretário pontua que somente em 2016 a Prefeitura deixou de arrecadar R$ 13 milhões em decorrência do não pagamento do imposto. Desta forma, ele salienta a importância de que o contribuinte não atrase o pagamento da primeira parcela – que será entre os dias 10 e 28 de fevereiro – para não se tornar inadimplente, angariando multas e juros sobre o valor do imposto devido. “Se a pessoa está com débitos do exercício anterior, ela pode ir pagando o IPTU deste ano normalmente e procurar a pasta para parcelar a quantia devida”, esclarece.

Quem paga à vista terá desconto de 10% sobre o imposto, mantendo apenas o valor integral das taxas de coleta de lixo, iluminação pública e incêndio. Os mais de 4,5 mil contribuintes que fizeram o requerimento de isenção do tributo também recebem o talão para o pagamento das taxas de coleta de lixo e combate a incêndio.

 

Reajuste do IPTU

O valor cobrado neste ano para os proprietários de imóveis na cidade teve reajuste de 6,98% em relação ao período anterior – reajuste que foi concedido à UFM (Unidade Fiscal do Município), que hoje é de R$ 3,4625. Com o aumento do valor da unidade, todos os impostos municipais são reajustados automaticamente.

 

E se eu não receber?

Os prudentinos que eventualmente não receberem o carnê do IPTU em sua casa após o dia 31 de janeiro deverão comparecer ao Paço Municipal e solicitar a segunda via na Coordenadoria Fiscal e Tributária, ou emitir a segunda via pelo site da Prefeitura, que é www.presidenteprudente.sp.gov.br.

Cadmo ressalta que em muitos casos as pessoas deixam de receber o talonário por mudar de endereço e não promover a alteração no cadastro da Prefeitura, fazendo com que o carnê retorne para o destinatário.