Rádio Comercial chega aos 60 anos renovada

Acompanhando a tecnologia, 1440 AM comemora 6 décadas de história como a mais acessada pela internet na região

VARIEDADES - MARCO VINICIUS ROPELLI

Data 04/06/2020
Horário 10:34
Cedida - Há 40 anos no ar, Oração da Manhã; na foto, a jornalista Regina Santos e o padre Rodrigo Foto: Cedida - Há 40 anos no ar, Oração da Manhã; na foto, a jornalista Regina Santos e o padre Rodrigo

 

O cheirinho do café e a voz do radialista anunciando as principais notícias do dia fazem parte do cotidiano de grande parte das pessoas da região. A rádio, que muitos propuseram o declínio com a chegada da televisão em 1950, provou o contrário, e continua firme e forte sendo companhia às donas de casa, aos trabalhadores que pretendem manterem-se informados ou aproveitarem uma boa moda sertaneja, ou até para aqueles que ao caminho dos afazeres diários, pretendem se inteirar das novidades no rádio do veículo. Em Presidente Prudente, há 60 anos, a Rádio Comercial (1440 AM) desempenha com primor essas funções.

É neste sábado, dia 6 de junho, que a Comercial chega a seis décadas de existência, que em parte se confundem com a história da capital do oeste paulista e, por vezes, da região. Presente com a equipe jornalística nos principais fatos da cidade, a emissora compreende a importância histórica de seus serviços e de toda radiofonia prudentina, até por isso, preserva, em suas dependências, o Centro de Memória do Rádio, onde todos os pesquisadores, estudantes e demais pessoas interessadas têm a oportunidade de conhecer a história que envolve os equipamentos e profissionais de comunicação de todas as emissoras da região.

Sobre o desafio de se manter por 60 anos uma rádio que hoje divide espaço com o mundo tecnológico, o diretor da Comercial, Maurício Mescoloti, afirma que o segredo é manter o nome, a credibilidade do veículo, além de aliar-se às possibilidades tecnológicas. “O grande desafio é manter a paixão pelo rádio, acreditar que pode fazer algo diferenciado e relevante. Levar novidades e inovação aos ouvintes e sempre dar preferência ao público, àquilo que ele precisa ouvir”.

A Rádio Comercial comprova o sucesso de sua incursão no mundo tecnológico com dados estatísticos. Com aplicativo e site, que permite acesso ao conteúdo de qualquer lugar do mundo, a emissora foi líder de audiência na região de Prudente pela internet, segundo dados de janeiro a abril deste ano, com quase 40 mil acessos, fazendo jus ao slogan “Sempre na frente”!

Um resgate a décadas de história

A Rádio Comercial de Prudente foi constituída em 13 de agosto de 1959, pelos irmãos Arnaldo Agostinho Bussacos e Rubens Bussacos Júnior. Em 6 de junho de 1960, a programação da emissora entrou no ar pela primeira vez. Desde o início, optou por uma programação eclética, com programas esportivos, sertanejos, musicais e por um jornalismo atuante e participativo. O jornalismo comunitário, no qual os cidadãos opinam, mandam cobranças e reclamações, ainda é marca registrada da emissora.

A empresa é dirigida pela família Mescoloti desde 1974, quando foi adquirida por Nilton Mescoloti, um apaixonado pelo rádio, falecido em 2018. Em 15 de janeiro de 1996, a Rádio Comercial entrou em cadeia nacional pelo Sistema BandSat/Rede Bandeirantes de Rádio, transmitindo também, via satélite, com som digital.

Maurício, que há 35 anos está à frente da emissora, lembra que a rádio é marcada pelos profissionais que nela atuam, além de ser celeiro de novos talentos prudentinos. Ele elenca os nomes que são destaque em toda a região: Ismael Silva (desde 1975 na rádio), Laerte Silva, Osvaldo Torino, Regina Santos, Wilson de Souza, Neusa Matos, Fábio Mendes, Pedro Neto, Cláudio Moreno, Gesner Dias e Homéro Ferreira. Em nome dos que já passaram pela emissora, ele cita Sinomar Calmona, atual colunista e diretor executivo de O Imparcial, e Barbosa da Silveira, que, também, foi por anos, colunista deste diário.

“O GRANDE DESAFIO É MANTER A PAIXÃO PELO RÁDIO, ACREDITAR QUE PODE FAZER ALGO DIFERENCIADO E RELEVANTE”

Maurício Mescoloti

Alguns dos programas da rádio também são históricos e parte integrante da memória e do presente dos prudentinos: há mais de 50 anos está no ar o Jornal das Sete; desde os anos 80 o Patrulha Comercial é canal aberto à população e a Oração da Manhã renova todos os dias a fé do povo do oeste paulista.

Para o futuro, a Rádio Comercial, como explica Maurício, pretende fazer a migração para as faixas FM, proporcionando mais qualidade de som e menor interferência aos ouvintes. Para isso, aguarda a liberação de faixas convencionais para a cidade, por parte do Ministério das Comunicações e Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

SERVIÇO
Contatos da Rádio Comercial
Whatsapp: (18) 99116-8650
Telefone: (18) 3221-2900
Endereço: Avenida Manoel Goulart, 291, 1° andar, centro de Presidente Prudente
Atendimento: segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h; sábados, das 8h às 12h.
Site: www.comercialam.com.br

Box
Centro de Memória do Rádio Prudentino
Dentre os equipamentos em exposição, encontram-se: transmissores, microfones, gravadores de acetato, cartuchos, fitas magnéticas (de rolo e K7), discos em 78 rpm, discos de vinil, LPs, compactos, CDs e DVDs. Também uma completa seleção de receptores de rádio, câmeras fotográficas, projetores e filmadoras Super 8 e outros equipamentos antigos utilizados nas transmissões externas. Grande acervo de revistas que fizeram história no jornalismo brasileiro: “O Cruzeiro”, “Realidade”, “Manchete”, “Fatos e Fotos”, “Placar”, “Amiga”, e também diversas gravações históricas, incluindo programas e reportagens de grande repercussão.  Para agendar visita, é só marcar pelo telefone (18) 3222-0081.

Fotos – Cedidas

Maurício: “Rádio busca sempre inovar para continuar no topo”


Profissionais se dedicam às questões técnicas para o sucesso


Ismael Silva é nome carimbado da rádio há mais de 40 anos


No Centro de Memória, estão diversos toca-discos portáteis


Primeira mesa de som da Comercial, feita em 60 por Ciro Martins


Em 6 décadas, muitos aparelhos sintonizaram a 1440 AM


Relíquias estão no acervo, como este gramofone datado de 1905 


Coleção de LPs com mais de 18 mil exemplares está no local


Fotos históricas da trajetória profissional de Nilton Mescoloti

 

 

 

Veja também