SSP - Furtos em geral diminuíram 13,3%, com uma diferença de 106 registros

Foto: SSP - Furtos em geral diminuíram 13,3%, com uma diferença de 106 registros

EM JANEIRO

Região reduz latrocínios, estupros e furtos

Balanço também aponta redução em roubos de carga, enquanto roubo a banco e extorsão mediante sequestro ficaram zerados

  • 25/02/2020 08:59
  • DA REDAÇÃO

A região de Presidente Prudente terminou o primeiro mês do ano com redução nos casos e vítimas de latrocínio, estupros e em todas as modalidades de furtos. Os roubos de carga também caíram, enquanto os indicadores de roubo a banco e extorsão mediante sequestro ficaram zerados, assim como ocorre desde o início da série histórica, em 2001.

Os roubos seguidos de morte, casos e vítimas, caíram de um para zero registro, se comparados janeiro de 2019 e 2020. Da mesma forma, os estupros foram reduziram em sete ocorrências, passando de 34 para 27 boletins.
Desde 2001, quando teve início a série histórica, a região não contabilizou ocorrências de extorsão mediante sequestro na região, no mês.  Em contrapartida, em janeiro deste ano houve um caso e duas vítimas a mais de homicídio doloso, totalizando cinco boletins, com seis mortes.

Com os resultados, as taxas dos últimos 12 meses (de fevereiro de 2019 a janeiro de 2020) ficaram em 4,55 ocorrências e 4,82 vítimas de morte intencional para cada grupo de 100 mil habitantes.


FURTOS E ROUBOS

Todas as modalidades de furtos recuaram na região, no primeiro mês do ano em comparação a igual período do ano anterior.  Os furtos em geral diminuíram 13,3%, com uma diferença de 106 registros. O indicador passou de 797 para 691. A quantidade é a menor da série histórica.

Nos furtos de veículo, a queda foi de seis ocorrências em números absolutos, passando de 40 para 34. Em janeiro não houve casos de roubo de carga na região, ante um boletim em janeiro de 2019. O mesmo ocorreu com o indicador de roubo a banco, que desde 2001 permanece zerado. Os roubos em geral e de veículo permaneceram estáveis, com 36 e duas ocorrências, respectivamente.

 

SAIBA MAIS

O trabalho das polícias paulistas na região de Presidente Prudente, em janeiro, resultou em 523 prisões e na apreensão de 27 armas de fogo ilegais. Também foram registrados 129 flagrantes por tráfico de entorpecentes.