“Medo, angústia e ansiedade são nítidos agravantes do bruxismo”

Maria Fernanda Antunes de Oliveira, cirurgiã-dentista

Saúde & Bem Estar - OSLAINE SILVA

Data 07/02/2021
Horário 09:55
Foto: Freepik
Entre complicações causadas pelo bruxismo estão as dores na face
Entre complicações causadas pelo bruxismo estão as dores na face

Por conta dos efeitos emocionais da pandemia do novo coronavírus na saúde da população, há muitas pessoas descontando a tensão nos dentes. Isso mesmo, já ouviu falar em bruxismo? É aquele ranger ou apertar dos dentes das pessoas que elas fazem tanto enquanto dormem, quanto acordadas. Muitas vezes até sem perceber. Essa pressão, aparentemente inofensiva, na realidade pode causar uma série de consequências, como desgaste dos dentes, dificuldades na articulação da mandíbula e até dores na face, enxaquecas, distúrbios nos ouvidos, entre outros males, como explica a cirurgiã-dentista Maria Fernanda Antunes de Oliveira.

Como o estresse do dia a dia influencia no desenvolvimento do bruxismo?
Primeiramente, o bruxismo é descrito como um movimento orofacial denominado parafunção, cuja causa é muito complexa e multifatorial. Pode ser funcional, que inclui o apertar e ranger dos dentes e este tipo de parafunção está totalmente interligado à relação de substâncias produzidas pelo cérebro em situações de estresse.

Esta desordem pode ser mais frequente em períodos como o que estamos vivendo agora? De estresse, tensão, nervosismo ou não tem relação alguma?
Com absoluta certeza, neste período de pandemia houve um grande aumento desta tensão emocional causada pela emergência sanitária, combinada com os períodos de quarentena, instaurados em meados de março de 2020, para contenção do vírus. Medo, angústia e ansiedade são nítidos agravantes do bruxismo.

Como e em que momento o ranger dos dentes afeta a saúde das pessoas?
O bruxismo é uma doença que acomete pessoas de todas as idades e pode ocorrer tanto durante o sono, quanto em estado de vigília, isto é, quando estamos acordados. Isto pode gerar vários prejuízos, não somente dentais, como: quebra e desgaste de dentes, restaurações e próteses, mobilidade dental, problemas gengivais, entre outros. Ou com o apertamento, temos os músculos contraídos e então ocasionar dores na face, enxaquecas, distúrbios nos ouvidos (zumbidos, ouvidos tampados), limitação da abertura bucal ou até mesmo outros sintomas que comprometam as funções de mastigar ou falar.

É importante procurar um profissional que atue em que área?
É muito importante procurar um odontologista que seja especialista em DTM (disfunção temporomandibular) e dor orofacial, porque independente da causa do bruxismo, ele afeta a qualidade de vida do indivíduo, causando danos que vão muito além das estruturas dentais. Além do odontologista, na avaliação inicial, é necessário o profissional detectar através de uma minuciosa anamnese se este paciente necessita de ajuda de outros profissionais como, por exemplo, psicólogos para tratarem juntos o problema.

Normalmente quais são os tratamentos indicados pelos especialistas?
Existem diversos tipos de tratamentos que podem ser indicados, mas sempre de acordo com o tipo e intensidade do bruxismo. O controle é feito normalmente por uma equipe multidisciplinar que envolve cirurgião-dentista, fonoaudiólogo e psicólogo. Assim, dependendo do caso, o controle da doença pode envolver o uso de placas, toxina botulínica, remédios e até mesmo terapia para o controle do estresse e da ansiedade. 

Existem dicas de como a pessoa pode prevenir o bruxismo?
A prevenção seria a redução do estresse e gerenciar a ansiedade, o que nem sempre é tão fácil, portanto, a maioria das causas do bruxismo nem sempre pode ser prevenida.

SERVIÇO
A cirurgiã dentista Maria Fernanda Antunes de Oliveira atende à Rua Texas, 103, campainha 3, Jardim Paulistano, Presidente Prudente. O telefone para mais informações é o (18) 98192-8210 ou pelo e-mail: mferantunes78@hotmail.com

Foto: Cedida

dentista de presidente prudente fala sobre bruxismo

Causa do bruxismo é muito complexa e multifatorial, diz Maria Fernanda

Veja também