“Refletir em trovas”

JOSÉ COSTA

COLUNA - JOSÉ COSTA

Data 11/03/2021
Horário 03:37

Dois ouvidos e uma boca
Que são órgãos tão pequenos,
É pro homem ouvir mais
E também pra falar menos.
(José Costa)

Hospital do câncer

Uma gincana virtual foi realizada entre todos os clubes pertencentes ao Distrito LC 8 de Lions Internacional, por iniciativa de sua governadora Marli Minetto, do Lions Clube de Macatuba, e com apoio do 2° vice-governador Hélio Ruiz do Lions Clube de Lins, e da 2ª vice-governadora Márcia Gonçalves, do Lions Clube de Tupã. Dentre as tarefas uma era a arrecadação de caixas de gelatinas, que seriam doadas para hospital de livre escolha de cada um dos 58 clubes participantes. Na semana passada, o Lions Clube de Irapuru Caçula fez entrega de 3 mil caixas de gelatina ao Hospital Regional do Câncer de Presidente Prudente, escolhido pelo clube para receber os produtos recolhidos na gincana, mesmo sendo um município de outro distrito. A governadora ressaltou que Lions não vê espaço, mas sim as pessoas necessitadas.

Cultura

O secretário de Cultura de Adamantina, jornalista Sérgio Vanderlei, assegura que está na expectativa do fim da pandemia, para que seus projetos artísticos possam recuperar muitos jovens integrantes da banda e orquestra sinfônica, bem como de outros setores artísticos. Sérgio percebeu que os jovens em isolamento e longe das atividades artísticas estão inquietos, cobrando ações e em princípio de depressão. Da mesma forma, ele acredita que, com qualquer abertura em algumas das fases que possam possibilitar algum tipo de movimentações artísticas, esses jovens já possam recuperar parte de seu estado de espírito, com execuções de atividades artísticas. Mas será plena com o fim da pandemia.

25° BPM de Dracena

No dia 8, o 25° Batalhão da Polícia Militar, com sede em Dracena, comemorou o seu 42° aniversário de instalação. São 42 anos de relevantes serviços prestados à comunidade da Nova Alta Paulista, executando atividades de polícia ostensiva e de preservação da ordem pública nos 22 municípios que compõem sua área de atendimento, com extensão territorial de 610.273 km², delimitada pelos rios Aguapeí, do Peixe e Paraná, na divisa com o Estado do Mato Grosso do Sul. O batalhão conta com quatro companhias, cinco pelotões, sendo um de Força Tática, 14 Grupos de Polícia e um Canil Setorial. As companhias estão sediadas, estrategicamente, em Dracena, Adamantina, Osvaldo Cruz e Tupi Paulista.

Saneamento em Junqueirópolis

O prefeito Osmar Pinatto participou, na segunda-feira, juntamente com diretores Rinaldo Picinini, Gustavo Junqueira e Eder Junior, de reunião por vídeo conferência com os técnicos do Daee, Cetesb e Cetec, visando um entendimento na aprovação do projeto que autorize a realização de obras no buracão do Jardim Paulista. Falando da obra, o prefeito comentou que a reunião teve como propósito a viabilização legal, pelos órgãos competentes para cumprir essa etapa importante e colocar em prática o projeto de revitalização em benefício dos moradores do Jardim Paulista. “Desde o primeiro dia útil da nossa administração estamos empenhados em realizar as obras necessárias para levar qualidade de vida aos moradores daquele bairro, com limpeza, aquisição de tubos para construção das galerias preparatórias para pavimento, e o início do tratamento da lagoa para conter o mau-cheiro até que se faça a mudança daquele sistema de tratamento de esgoto para uma área distante da cidade”, expôs Pinatto.

Integração saúde

A Prefeitura de Adamantina realizou na manhã de segunda-feira uma reunião que visa traçar ações objetivando a integralização da saúde na microrregião. Participaram os municípios de Lucélia, Osvaldo Cruz, Mariápolis, Pacaembu, Inúbia Paulista e Pracinha. Estiveram presentes ainda lideranças da Santa Casa de Adamantina, UniFai, OAB, Crea/SP, Câmara de Vereadores e Clínica Pai Nosso Lar. Neste primeiro momento, o foco está em conhecer a realidade de saúde de todos os municípios da região, incluindo os atendimentos enviados para outros municípios sendo: ambulatorial, exames, tratamentos e as internações; bem como a estrutura de saúde municipal e os serviços que são solicitados em outras localidades. A Santa Casa de Adamantina funcionará como uma centralizadora dos atendimentos e os hospitais de Pacaembu, Flórida, Lucélia e Osvaldo Cruz, atuarão como hospitais de apoio.

Veja também