Grêmio Prudente: É hora de “bater a poeira” e começar de novo!

EDITORIAL -

Data 27/10/2021
Horário 04:15

Não foi desta vez! Jogando no Estádio Francisco Marques Figueira, em Suzano (SP), o Grêmio Prudente foi derrotado sábado por 4 a 0, pelo invicto Usac (União Suzano Atlético Clube) e perdeu mais uma vez a oportunidade de conquistar o acesso para a série A3 do Campeonato Paulista. 
No ano passado, também chegou bem perto da conquista. No duelo de volta da semifinal, precisava apenas de um empate, mas perdeu por 2 a 0 fora de casa e foi eliminado pelo Bandeirante de Birigui.  Na ocasião, ainda sem torcida nos estádios por conta da pandemia da Covid-19, prudentinos deram um jeito de apoiar o time assistindo o jogo nas proximidades do Prudentão. Tinha torcedor até em cima da árvore.
Neste ano, no jogo de ida, em casa, a torcida gremista pôde comparecer. Mais de mil pessoas acompanharam o duelo no Estádio Paulo Constantino. Mas nos acréscimos do segundo tempo, aos 50 minutos, a equipe sofreu o gol da derrota. O jogo terminou em 3 a 2 para o Usac, dificultando ainda mais a situação para o elenco do técnico Luiz Henrique Dalben, o Epitácio. Para avançar, o Gavião Carcará precisava ganhar o segundo confronto por dois gols de diferença, mas acabou sofrendo mais quatro. Fim da Segundona para o Grêmio!
Importante ressaltar, em meio à eliminação, a garra e a união do time, a vontade de vencer e avançar. Claro que o início do campeonato foi um pouco turbulento, com direito até à troca de técnico. Mas a equipe conseguiu se restabelecer, se empenhou, treinou, obteve patrocínios, ganhou reforços, quebrou até a invencibilidade do Flamengo de Guarulhos e ficou entre os quatro melhores da competição. 
Agora é hora de se preparar para o ano que vem. Ver o que pode ser melhorado, ensaiar jogadas. Tentar fazer um elenco ainda mais forte. Muitos atletas retornam de empréstimo aos seus times. Outros não têm mais idade para jogar o sub-23. É hora de “bater a poeira” e começar de novo! Que 2022 para o Grêmio Prudente seja um ano de muito trabalho, treinos e vitórias. Um ano com muitos parceiros e repleto de patrocínios. Que tudo, incluindo as derrotas, sirva de aprendizado. Que no ano que vem a bola não pare na trave... E a equipe possa, enfim, disputar a tão sonhada terceira divisão!
 

Veja também