Homem é preso por tentativa de feminicídio no Jardim Paulista

Suspeito despejou álcool nas vestes da vítima e estava preparado para atear fogo, porém, mulher correu para a rua e foi socorrida por policiais civis que passavam pelo local

PRUDENTE - CAIO GERVAZONI

Data 25/01/2022
Horário 16:09
Foto: Polícia Civil
Além do forte odor de álcool nas vestes da vítima, havia rastro de etanol no chão da casa
Além do forte odor de álcool nas vestes da vítima, havia rastro de etanol no chão da casa

Um homem de 46 anos foi preso em flagrante por tentativa de feminicídio na manhã desta terça-feira, no Jardim Paulista, em Presidente Prudente. 

O caso não se consumou porque a vítima de 44 anos saiu em via pública e foi socorrida por policiais civis que passavam pelo local para apurar uma denúncia de tráfico de drogas. Conforme indica a Polícia Civil, além do forte odor de álcool nas vestes da vítima, havia rastro de etanol no chão da casa.

No interior do imóvel, os agentes perceberam que, na cozinha, havia sinais de dano provocado por fogo na mangueira do fogão, mas que já havia se dissipado, não havendo necessidade de intervenção para conter o incêndio. 

Segundo relato da mulher, a discussão originou-se após uma oficial de justiça estar no local para intimar o indivíduo. O suspeito ficou nervoso, ateou fogo no fogão da residência e a todo tempo dizia que iria matá-la. 

No local, de acordo com a polícia, foi necessário uso de força física moderada para conter o indiciado e algemá-lo. 

Na delegacia, a vítima confirmou o relato prestado na residência e afirmou que o fato somente não se consumou porque conseguiu correr para a rua e encontrou policiais civis, que estavam em uma residência próxima na investigação de uma denúncia de tráfico de drogas. 

Após os atos de Polícia Judiciária, o indiciado por tentativa de feminicídio permanece à disposição da Justiça.

Veja também