Na Supercopa, Coronéis enfrenta Campo Grande

Rocha fala que a preparação para enfrentar o adversário desta semana, foi com base na vitória na rodada de estreia, por 19 a 8, contra o Uberlândia Lobos.

Esportes - Jefferson Martins

Data 22/03/2015
Horário 08:05
 

Sem quatro titulares, o Prudente Coronéis vai até a capital do Mato Grosso do Sul, onde enfrenta o Campo Grande Gravediggers, neste domingo, às 10h, no Centro Olímpico Vila Nasser, pela segunda rodada da Conferência Interior Oeste da 4ª Supercopa São Paulo de Futebol Americano. Entretanto, de acordo com Rodolpho Rocha, linebacker (defesa), esse não será um ponto negativo e sim uma forma de ressaltar a força do elenco.

"Não acho que será uma dificuldade, será algo novo pra gente, uma vez que nunca jogamos sem nosso QB titular. Iremos encarar como um desafio, será uma oportunidade para provamos a força do nosso elenco", revela em relação os desfalques do QB (quarterback), Paulo Felipe Gomes Neto, e do Punter (defesa), Leandro Largueza, que estão nos Estados Unidos, além do Matheus Henrique, FS (líbero), e Paulo Henrique, DL (linha defensiva).

Rocha fala que a preparação para enfrentar o adversário desta semana, foi com base na vitória na rodada de estreia, por 19 a 8, contra o Uberlândia Lobos. "Trabalhamos visando corrigir os erros cometidos no jogo passado contra os Lobos, onde, apesar do resultado positivo, não fomos tão bem assim. Talvez seja pelo nervosismo do primeiro jogo", comenta que o grupo procurou ainda estudar as ações do rival. "Assistimos alguns vídeos deles no YouTube. Mesmo sendo do ano passado, deu pra ver alguma coisa de interessante", pontua em relação as jogadas rápidas que são um grande diferencial do oponente.

 

Sem medo

O jogador comenta que o fato do adversário ser um time já experiente em grandes competições não amedronta o elenco, que vai buscar o resultado. "Nossa estratégia é a mesma em todas as partidas, seja dentro ou fora de casa, encaramos qualquer adversário de igual pra igual, sem medo, mas sempre com os pés no chão, humildade e muita vontade de vencer".

A Supercopa é uma competição realizada pela Fefasp (Federação de Futebol Americano de São Paulo) e é dividida por quatro conferências (interior leste e oeste, metropolitana norte e sul). Ao todo, mais de dois mil atletas estão envolvidos no estadual que conta com 22 times paulistas e de outros estados. Cada equipe terá cinco desafios na primeira fase, os três primeiros classificados de cada chave avançam para os playoffs (mata-mata).

 

 

SAIBA MAIS

APOIADORES

Apoiam o Prudente Coronéis, a Eros Alto Falantes e a Companhia de Viagens Vencestur Turismo.

 

Veja também