Open Squash distribui prêmios em dez categorias

A quarta classe ficou com Rafael Kasikawa, que venceu Daniel Neves. O mesmo Daniel Neves conquistou a quinta classe sobre Leonardo Lemos.

Esportes - Jean Ramalho

Data 06/05/2014
Horário 08:47
 

Entre o feriado do Dia do Trabalho e a tarde de sábado, as duas quadras de squash do TCPP (Tênis Clube de Presidente Prudente) sediaram a 12ª edição do Open da modalidade. Considerada uma das mais importantes e tradicionais competições do interior do Estado de São Paulo, a competição reuniu cerca de cem competidores. No total, a organização distribuiu R$ 3 mil em dinheiro, além de troféus e medalhas em dez categorias distintas.

Conforme Valdemir Quintiliano, Kuka, que promoveu o torneio ao lado do publicitário Marcelo Lebedenco, as disputas superaram todas as expectativas da organização, tanto em qualidade técnica, como na aplicação dos atletas em busca da premiação. "Só tivemos jogos bons, principalmente nos confrontos decisivos. Foi um campeonato bem disputado em todas as categorias, então, o nível técnico do campeonato foi muito satisfatório", considera Kuka, que também atuou como árbitro.

Pela primeira classe masculina, principal categoria do torneio, Jaime Xavier superou Luiz Lisboa e ficou com os R$ 2 mil em dinheiro. Na segunda classe, Vitor Moura foi melhor do que Luiz Pires e garantiu o prêmio de R$ 1 mil. Mesmo sendo um dos organizadores do evento, Marcelo Lebedenco não foi páreo para Cezar Augusto Rudgio e ficou na segunda colocação de terceira classe. A quarta classe ficou com Rafael Kasikawa, que venceu Daniel Neves. O mesmo Daniel Neves conquistou a quinta classe sobre Leonardo Lemos.

 

Categorias acirradas


Ainda entre os homens, o campeonato teve ainda disputas na categoria estreante, que terminou com vitória de Flávio Araújo sobre Felipe Pereira. Além da master, com competidores com idade acima de 45 anos, que foi vencida por Antonio Teixeira sobre Gian Filizzola.

Na classe sub-13, Fred Marcondes superou Leonardo Marcondes, enquanto Felipe Pereira derrotou Danilo Perrone na sub-17. A sub-15 foi decidida entre duas atletas. Carol Tannus se saiu melhor que Maria Clara Barbosa e ficou com o título da etapa.

Veja também