Publicidade

SEM FESTA

REGIÃO - JOSÉ COSTA

Data 07/05/2020
Horário 03:04

Pela primeira vez em sua história, o município de Irapuru não teve qualquer ação alusiva às comemorações do seu 72° aniversário de fundação, o que ocorreu no dia de ontem. Em virtude da pandemia registrada em todo o planeta, foram canceladas a festa do peão e as festividades de aniversário, que estavam sendo programadas para a população. Para marcar a parte cívica, apenas uma salva de 21 tiros, o que sempre foi presente quando do aniversário do município.

CERÂMICAS

Segundo a Incoesp, o sindicato que representa as cerâmicas da Alta Paulista e algumas da Sorocabana, com sede em Panorama, a situação criada na economia do Brasil pela pandemia, no princípio ameaçou prejudicar o setor, quando algumas obras foram paralisadas no país. No entanto, houve uma recuperação e todo o processo de produção continuou normalmente. As atividades de extração de argila continua na jazida da cooperativa, no distrito de Campinal, em Presidente Epitácio, e as cerâmicas não estão fazendo grandes estoques, mas apenas produzindo o necessário para abastecer o mercado.

CANDIDATOS (I)

Os pretensos candidatos a concorrer nos partidos para as eleições do Executivo municipal, que ainda não haviam colocados seus nomes para conhecimento das agremiações, estão sentindo dificuldades nesse momento. Deveriam ter colocado seus nomes para conhecimento público e sentir a aceitação ou não dentro da comunidade. Acham que terão dificuldades para colher bons frutos, quando todos estão em isolamento social, pois acreditam que o contato pessoal é que faz a diferença.

CANDIDATOS (II)

Em Irapuru, esse problema não estáocorrendo, pois a cidade já tem três candidatos, cujos nomes foram apresentados aos respectivos partidos há cerca de dois meses. Ademar Calegão (DEM), Jacques Nelson Ferreira (PV) e Antonio Tecco Jorge (PSDB) são postulantes a candidatos de seus partidos e esperam continuar o trabalho depois da pandemia.

CANDIDATOS (III)

Em Junqueirópolis, o mesmo já ocorreu há mais de dois meses com o PSDB, que recebeu o nome de Osmar Pinato, pleiteando a anuência da agremiação. Osmar já foi prefeito por duas legislaturas e está colocando seu nome junto ao partido para o retorno ao cargo. Segundo consta, seu nome é forte dentro do eleitorado junqueiropolense, já que fez uma boa administração. Ele sucedeu Hélio Furini, que também governou por oito anos, e que retornou ao cargos após gestões de Pinato, que pleiteia agora a continuação da administração. O PV de Lucélia tem como nome já disponível Tatiana Guilhermino, para concorrer ao Executivo daquele município.

QUESTÃO DE OPINIÃO

Um dos grupos musicais de maior projeção em toda a região, “Questão de Opinião”, de Irapuru, já tinha como certa uma apresentação nas festividades de aniversário do município. Como tudo foi cancelado e, para não frustrar seus admiradores, fizeram uma live ontem, com início às 14h, e as doações que receberam foram destinadas ao Lar Santa Genoveva.

BISPO

O papa Francisco nomeou o osvaldo-cruzense dom Amilton Manoel da Silva, até então bispo auxiliar da arquidiocese de Curitiba (PR), para assumir suas funções à frente da Diocese de Guarapuava. A nomeação ocorreu após o papa Francisco aceitar o pedido de renúncia de dom Antônio Wagner da Silva, por causa da idade (75 anos completados em 2019). A notícia foi recebida com muita alegria por toda a população de Osvaldo Cruz.

Veja também