Publicidade

UM NOVO NOME

PRUDENTE - Homéro Ferreira

Data 08/05/2020
Horário 03:07

O agropecuarista Tiago Jacintho surge como um novo nome para concorrer ao Poder Executivo de Prudente, ao ter colocado o seu nome à disposição do PL como possível candidato a prefeito.

UMA POSSIBILIDADE

A executiva municipal do PL é presidida por Adauto Lúcio Cardoso, secretário municipal de Mobilidade Urbana e Cooperação em Segurança Pública. O Plantão falou com ele e houve a confirmação dessa possibilidade de candidatura.

OUTRA POSSIBILIDADE

Inclusive por fazer parte da administração municipal em cargo de confiança, Cardoso admite também a possibilidade de entendimentos para Jacintho ser o vice do prefeito Nelson Bugalho (PSDB), que pretende a reeleição.

UMA NOVIDADE

Diante da iminência jurídica de que Milton Carlos de Mello, Tupã, não venha a ser candidato a prefeito, em coligação do DEM com o PSB do deputado Ed Thomas, o Patriota entra na composição para lançar o vice.

COMO FICARIA

Pelo Patriota, o vereador Izaque Silva abriria mão de ser candidato a prefeito, para então se candidatar a vice-prefeito na chapa encabeçada por Ed Thomas. É o que tem sido comentado nos bastidores.

JUSTIÇA COMUM

Instada sobre quem poderá suceder ao vereador Natanael Gonzaga (PSDB), que morreu recentemente, a juíza eleitoral Flávia Alves Medeiros disse em seu despacho à petição civil do PSDB que o assunto compete à Justiça Comum.

SAIU NA JANELA

Na disputa pela vacância do cargo estão Wellington Bozo, que seria o suplemente imediato, mas se desfiliou do partido PSDB para ingressar no MDB durante a janela eleitoral, fechada antes da morte de Gonzaga.

TAMBÉM SAIU

O suplemente seguinte a Bozo seria Miguel Francisco, mas trocou o PSDB pelo PSB. O diretório tucano entente que o cargo é do partido. Mas por coeficiente eleitoral, diante da baixa votação dos imediatos de Francisco, o PSB quer a vaga para Aristeu Penalva.

CERNE DA DISCUSSÃO

Para a juíza eleitoral, o cerne da discussão está sobre a quem pertence a vaga, se ao partido ou ao suplente diplomado e que se desfiliou da agremiação pela qual foi eleito antes de assumir a cadeira quando da vacância do cargo.

PROCURADORA GERAL

A longa novela sobre a regularização fundiária das chácaras Arilena, nas imediações do aeroporto de Prudente, deverá ter um desfecho em breve, após audiência com a procuradora geral do Estado, Lyra Porto.

ATUAÇÃO DO ITESP

A audiência foi por videoconferência articulada pelo deputado estadual Mauro Bragato (PSDB) e teve a participação do prefeito Nelson Bugalho. Quem atua na regularização é o Itesp (Fundação Instituto de Terras do Estado de São Paulo).

POSSE DEFINITIVA

No trabalho feito pelo Itesp faltava uma autorização da Procuradoria do Estado, mas, durante a audiência de ontem foi sinalizado que o assunto será resolvido e os proprietários poderão receber o documento de posse definitiva de suas chácaras.

Veja também