Óculos falsificados são prejudiciais à visão

PRUDENTE - PEDRO SILVA

Data 02/02/2020
Horário 08:15
Jean Ramalho - Óculos falsificados, por vezes chamados de paralelos, chamam a atenção por seus preços muito mais acessíveis Foto: Jean Ramalho - Óculos falsificados, por vezes chamados de paralelos, chamam a atenção por seus preços muito mais acessíveis

No verão é natural utilizar óculos de sol, seja por estilo, ou para se proteger da claridade excessiva. Porém, devido aos preços salgados de algumas marcas, consumidores optam por itens paralelos, ou falsificados, que, na maioria dos casos, não só oferecerão uma qualidade duvidosa, como também problemas à visão.

Lentes originais oferecem proteção UV (contra as ondas ultravioletas, que estão presentes na atmosfera, porém, são invisíveis aos olhos humanos), que é um escudo para os olhos contra essa radiação. O oftalmologista Marcussi Palata Rezende explica que as lentes falsificadas presentes em itens pirateados não têm procedência confiável, então, não há como garantir a qualidade e proteção necessária aos olhos. “As lentes originais, que têm certificado de um rigoroso processo de fabricação e qualidade, são testadas e seguras para uso”, pontua.

O especialista explica que a função dos óculos de sol é filtrar a quantidade de luz que entra nos olhos, o que leva à dilatação da pupila. Se o item for falsificado, ao ocorrer essa dilatação, o globo ocular recebe e absorve uma quantidade de radiação ultravioleta muito maior do que a saudável, o que causará danos à visão ao longo da vida. “Os danos serão focados na retina, principalmente”, destaca Marcussi.

PREJUIZO EM

LONGO PRAZO

O oftalmologista explica que os danos causados pelo uso de produtos falsificados são acumulativos, e não aparecem imediatamente. Em um primeiro momento, os óculos servem para o mesmo propósito, porém, em 10 ou 20 anos, podem desencadear doenças, que podem ser irreversíveis, como danos à retina e problemas de visão. “Hoje você está comprando algo barato, mas é o que diz aquele velho ditado: ‘o barato pode sair caro’, e, nesse caso, sairá”, comenta. Em crianças os riscos são mais preocupantes, pois como os danos são acumulativos, seus resultados poderão aparecer mais cedo.

No mercado legal, existem muitas opções de lente, com antirreflexo, proteção adicional UV, e em diversos materiais e especificações. Para saber qual a sua necessidade, é recomendado que se procure um oftalmologista para avaliação, com o estilo ficando ao gosto do cliente.

Veja também