Cartão de visitas digital é a nova tendência do momento

Em evolução há alguns anos no mercado, ele tem sido uma opção de economia para clientes, visto a flexibilidade e baixo custo, se comparado ao tradicional impresso em papel especial

VARIEDADES - OSLAINE SILVA

Data 03/05/2020
Horário 12:02
 Instagram Pessoal - Ao receber um cartão deste, é só tocar os ícones interativos que estes executarão a função Foto: Instagram Pessoal - Ao receber um cartão deste, é só tocar os ícones interativos que estes executarão a função

Antigamente, quando um profissional queria recomendar seus serviços e deixar seu contato, entregava ao cliente um cartão de visitas. Há alguns anos, esse modelo evoluiu para o cartão de visitas digital interativo, uma das formas de disponibilizar os principais contatos de forma fácil e eficiente, que continua sendo novidade atualmente.

A designer gráfica, Andrea Harumi Shimakawa, 35 anos, explica que é como se fosse um cartão de visitas comum, mas que é 100% digital e que pode ser compartilhado sem limites através de smartphones. Ao receber um cartão deste, é só tocar os ícones interativos que estes executarão a função. “Por exemplo, ao apertar o ícone de telefone, automaticamente abrirá o programa que faz ligações do seu smartphone já mostrando o número para o qual deve fazer a chamada. Hoje em dia é muito comum o contato comercial através de aplicativos como o WhatsApp, então, ao apertar o ícone do app do cartão interativo, você é encaminhado para iniciar a conversa com a pessoa”, expõe Andrea.

Segundo ela, no cartão podem ser colocados os telefones de contato para ligação, o WhatsApp, o email, a localização integrada ao sistema GPS, as redes sociais, o site, a loja virtual, canal do YouTube. Ou seja, tudo que tenha um endereço na internet. “O cartão digital interativo pode ser facilmente distribuído em aplicativos de conversas como WhatsApp, Telegram, Skype, etc, enviados em grupos ou em contatos diretos”, diz a profissional, que também é formada em Arquitetura e Urbanismo pela Unesp (Universidade Estadual Paulista).

“NÃO DIGO QUE ESTEJAM SUBSTITUINDO OS CARTÕES FÍSICOS, MAS ESTÃO UTILIZANDO MUITO COMO FORMA DE AMPLIAÇÃO NA DIVULGAÇÃO DE SEUS TRABALHOS. AINDA MAIS NOS DIAS DE HOJE EM QUE TUDO É RESOLVIDO E FEITO COM O CELULAR NA MÃO”

Andrea Harumi Shimakawa

Andrea comenta que feito em formato de PDF, ele pode ser facilmente compartilhado através dos aplicativos citados. E não funcionaria, por exemplo, se fosse publicado no Instagram ou Facebook, pois estes suportam somente imagens e vídeos. “Como dito, o cartão digital interativo já existe há alguns anos no mercado, mas continua sendo novidade. A maioria dos meus clientes vem em busca de cartões físicos, mas ao mostrar o digital que possui essa flexibilidade e baixo custo, eles se interessam. Não digo que estejam substituindo os cartões físicos, mas estão utilizando muito como forma de ampliação na divulgação de seus trabalhos. Ainda mais nos dias de hoje em que tudo é resolvido e feito com o celular na mão”, frisa a designer gráfica.

ECONOMIA E MENOR

CUSTO PROFISSIONAL

Andrea destaca que o custo de fazer um cartão de visitas digital é bem menor do que o impresso, pois há não há gasto com impressão em gráfica. Se paga o trabalho do profissional para desenvolver a arte personalizada. Economia para quem desenvolve e que é repassado para o cliente final. 

Além das funções de ligação e do WhatsApp explicados anteriormente, há o ícone de e-mail qual abrirá o app de e-mail padrão do celular, e um bem interessante é o de localização, pois abre via GPS sendo possível traçar a rota para chegar ao local. Além, dos ícones de redes sociais como Instagram e Facebook, que direcionam as pessoas para que sigam suas páginas e vejam seu trabalho.

“No interior, é assim, às vezes precisamos nos recriar, nos reinventar... a falta de oportunidade na minha área de formação me fez trilhar alguns caminhos alternativos, o que para minha evolução pessoal está sendo ótimo! Antes de me formar já gostava da área de design gráfico, o que sempre me ajudou na parte criativa. Hoje trabalho como autônoma na área, fazendo criações e auxiliando pequenos e médios empreendedores a conquistarem o sonho de ter uma marca”, ressalta.

SERVIÇO

Interessados em dar uma olhadinha nos trabalhos da designer acessem sua página no Instagram@andreahsdesign.

Foto: Cedida

Formada em Arquitetura, Andrea se encontrou como designer gráfica

 

 

Publicidade
eixosp

Veja também