MOMENTO DE PREPARAÇÃO

Liga Regional de Handebol é preparação para jovens

  • 31/03/2019 10:00
  • GABRIEL BUOSI - Da Redação

Ontem teve início em Presidente Prudente mais uma edição da Liga Regional de Handebol, sendo que essa primeira rodada ocorreu no Parque de Uso Múltiplo. Os times que abriram a competição foram os grupos da Medicina Prudente e Bauru, pouco depois das 11h, e hoje as disputas seguem com uma nova rodada em Jales (SP). “É um momento muito importante e que representa a nossa preparação para as competições oficiais. Estamos confiantes”, ressalta o técnico das equipes femininas da Medicina Prudente e da Unimed/Instituto Edespp/Semepp, Péricles Junior.

Na sequência do primeiro jogo, já às 12h, pela Sub-20 masculina, jogaram no Parque de Uso Múltiplo as equipes da Unimed/Instituto Edespp/Semepp e Bauru. Às 13h, por sua vez, Marília e Bauru se enfrentam pela adulta feminina. Às 16h30 estava previsto o fechando da rodada, entre Penápolis e Assis. “Domingo, a rodada será disputada na cidade de Jales. Quatro equipes da Unimed/Instituto Edespp/Semepp estarão em quadra. Às 12h30, contra São José do Rio Preto, pela categoria adulta feminina; às13h30, diante Jales, pela mirim feminina; às 14h30, novamente contra Jales, mas pela Sub-20 feminina; e, às 15h30, Jales pela adulta feminina”, informa a organização.

O técnico das duas equipes de Prudente entrevistado pela reportagem, afirma ainda sobre a importância da competição, que este é um momento em que os resultados dos anos anteriores serão lembrados, já que os grupos vão buscar o aperfeiçoamento com base nos confrontos anteriores. “Ficamos 60 dias treinando e entramos com a academia há um mês para ajudar na preparação das meninas. Elas são novas, uma categoria de até 18 anos, mas propomos jogar na categoria adulta para qualificar e condicionar, para que elas enfrentem competições mais fortes futuramente”, lembra.

Com isso, ele fala que houve tempo suficiente para a preparação, sendo que agora o objetivo está em cima de colocar em prática o que foi treinando, além de acompanhar os resultados. Já sobre os adversários, Péricles lembra que por serem os primeiros jogos, ontem possivelmente os grupos poderiam deixar a ansiedade tomar conta, mas o técnico não deixou a confiança de lado para bons resultados.

A atleta da Unimed/Instituto Edespp/Semepp, de Presidente Prudente, Lívia Mendes, 15 anos, contou à reportagem que está há três anos no esporte e lembra que iniciou as atividades por incentivo de um professor de Panorama. “Moro em Prudente faz um ano por causa do time e aqui eu respiro o handebol, é uma das coisas mais importantes que ocorreu na minha vida e quero me profissionalizar com a Educação Física para passar a modalidade para outras pessoas”, afirma. Sobre o evento, ela lembra que a importância se dá pela quantidade “pequena” de campeonatos na região, o que permite fomentar o esporte e atrair novos públicos.