Moradora de Tarabai é 1ª paciente diagnosticada com Covid-19 a receber alta do HR

Patrícia Ferreira Lopes, de 42 anos, recebeu alta após 16 dias de internação, sob aplausos dos profissionais da unidade

REGIÃO - DA REDAÇÃO

Data 15/04/2020
Horário 16:22
AI HR - Patrícia afirma que nesse momento o sentimento é de esperança e gratidão Foto: AI HR - Patrícia afirma que nesse momento o sentimento é de esperança e gratidão

A recepção principal do HR (Hospital Regional) Doutor Domingos Leonardo Cerávolo, em Presidente Prudente, presenciou na tarde desta quarta-feira um grande sinal de esperança na luta contra a pandemia da Covid-19. Sob aplausos de parte da equipe multiprofissional da unidade, Patrícia Ferreira Lopes, 42 anos, moradora de Tarabai, foi a primeira paciente do HR com a confirmação de infecção pelo novo coronavírus a receber alta.

Patrícia começou a ter os primeiros sintomas no dia 31 de março, quando levou a mãe para o Pronto-Socorro do HR, depois dela apresentar falta de ar, que é um dos sintomas do novo coronavírus. "Eu vim trazer minha mãe, mas também comecei a sentir uma falta de ar, dor no peito e avisei os enfermeiros. Eles logo me examinaram e viram que eu era uma paciente suspeita do novo coronavírus. Então já me encaminharam para o tratamento e dias depois saiu a confirmação de que eu realmente tinha contraído o vírus".

Depois de 16 dias de internação, Patrícia afirma que nesse momento o sentimento é de esperança e gratidão. "Foram dias difíceis, que me fizeram sentir na pele como esse vírus é perigoso. Mas eu venci e com todo esse carinho que recebi aqui pude ter dimensão do que representa essa minha alta. Tenho certeza que sou a primeira de muitas pessoas que serão curadas. Só tenho que agradecer a toda a equipe que cuidou de mim e está cuidando da minha mãe".  

Para o infectologista do HR, Alexandre Portelinha, esse foi um passo importante na luta contra o novo coronavírus e traz um sentimento de esperança a todos os profissionais da linha de frente desse combate.

"Este momento representa esperança e nos fortalece para que continuemos lutando e nos dedicando cada dia mais ao atendimento dos pacientes. Quero deixar um agradecimento a todos os profissionais da saúde que estão conosco nesse enfrentamento ao Covid-19", destaca.

O especialista reforça que continua sendo muito importante o empenho de todos no compromisso em respeitar as recomendações que Organização Mundial da Saúde, Ministério da Saúde e Secretaria de Estado da Saúde do governo de São Paulo, no que diz respeito às medidas de prevenção à disseminação do novo coronavírus, respeitando o isolamento e distanciamento social e seguindo as instruções de higiene respiratória. "Precisamos de todos juntos, seja ficando em casa, seja na linha de frente. Só unidos na mesma causa é que conseguiremos passar por essa pandemia".

Publicidade
eixosp

Veja também