Sem biometria, 12% dos eleitores da região poderão votar em outubro

Por conta da pandemia, foi suspenso o cancelamento de títulos eleitorais de pessoas que não realizaram cadastramento biométrico em 2019

REGIÃO - MARCO VINICIUS ROPELLI

Data 29/05/2020
Horário 09:15
Wilson Dias/ABr - Eleições municipais de 2020 serão mistas, com eleitores com e sem biometria Foto: Wilson Dias/ABr - Eleições municipais de 2020 serão mistas, com eleitores com e sem biometria

Atualmente, a região de Presidente Prudente tem 88,1% de seus 674.437 eleitores cadastrados para identificação biométrica. Número pouco superior ao da capital do oeste paulista, Presidente Prudente, que soma 150.466 biometrias, o que representa 84,26% do total. Os dados são do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e foram colhidos em 18 de maio. Entretanto, como com a pandemia o serviço de cadastramento biométrico foi interrompido nos cartórios eleitorais, é certo que o número não aumentará até as eleições municipais (veja tabela com todos os municípios no site de O Imparcial).

A interrupção se deu por conta da pandemia da Covid-19 e a consequente suspensão temporária dos serviços presenciais dos cartórios eleitorais. O cadastramento biométrico é um desses, visto que depende da presença física do eleitor, sua digital, para ser efetuada.

A previsão anterior à pandemia era que o serviço fosse efetuado até 6 de maio, data que, inclusive, já passou. A decisão do TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo), portanto, tendo em vista o possível prejuízo dos eleitores, foi suspender a obrigatoriedade da identificação biométrica nas eleições 2020 e reverter os cancelamentos dos títulos eleitorais dos eleitores que não fizeram a biometria em 2019, isto, somente até a reabertura do cadastro eleitoral.

ELEIÇÕES MISTAS

De 6 de maio (150 dias anteriores às eleições municipais) a 3 de novembro é proibida qualquer alteração do cadastro eleitoral, explica o chefe de cartório da 101ª Zona Eleitoral de Presidente Prudente, Fabiano Segala, 41 anos.

Segundo ele, a situação adversa que a pandemia tem causado é vista pelos cartórios eleitorais, em geral, como algo ruim, visto que estas eleições serão mistas, com identificação biométrica para aqueles que efetuaram o cadastro e sem para os que não o fizeram, e isso ocasiona dificuldades na rotina da eleição. “Biometria, quanto mais melhor”, pontua.

Fabiano explica que a possibilidade de ainda antes das eleições ser aberta outra janela de cadastramentos é bastante remota, visto que seria necessário a implementação de um novo calendário eleitoral, o que, por enquanto, não é cogitado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

SERVIÇO

Os eleitores que não compareceram para a revisão dos seus dados cadastrais e coleta de biometria nas cidades onde o procedimento foi obrigatório poderão votar normalmente nas eleições de outubro, mas devem ficar atentos, pois a partir de 3 de novembro os títulos de eleitores voltam a ser cancelados e a realização da biometria torna-se, outra vez, obrigatória.

Cadastramento biométrico na região em 18 de maio

Cidades

Eleitorado

Eleitorado com biometria

Porcentagem

Adamantina

27.769

22.754

81,94%

Alfredo Marcondes

4.019

3.464

86,19%

Álvares Machado

18.972

15.845

83,52%

Anhumas

3.415

2.988

87,50%

Caiabu

3.263

3.235

99,14%

Caiuá

3.967

3.468

87,42%

Dracena

35.244

32.060

90,97%

Emilianópolis

2.704

2.503

92,57%

Estrela do Norte

2.550

2.239

87,80%

Euclides da Cunha Paulista

7.156

6.199

86,63%

Flora Rica

1.623

1.374

84,66%

Flórida Paulista

8.103

6.714

82,86%

Iepê

6.361

5.663

89,03%

Indiana

3.862

3.845

99,56%

Inúbia Paulista

2.975

2.959

99,46%

Irapuru

5.112

4.433

86,72%

Junqueirópolis

13.682

13.652

99,78%

Lucélia

13.308

13.220

99,34%

Marabá Paulista

3.192

2.856

89,47%

Mariápolis

3.035

2.604

85,80%

Martinópolis

17.537

17.447

99,49%

Mirante do Paranapanema

13.245

13.187

99,56%

Monte Castelo

3.463

3.121

90,12%

Nantes

2.336

2.074

88,78%

Narandiba

4.338

3.856

88,89%

Nova Guataporanga

2.006

1.836

91,53%

Osvaldo Cruz

24.714

21.067

85,24%

Ouro Verde

6.147

5.856

95,27%

Pacaembu

8.839

7.733

87,49%

Panorama

10.797

9.192

85,13%

Pauliceia

5.910

5.147

87,09%

Piquerobi

2.902

2.867

98,79%

Pirapozinho

21.070

18.134

86,07%

Pracinha

1.299

1.289

99,23%

Presidente Bernardes

11.283

10.035

88,94%

Presidente Epitácio

31.893

26.946

84,49%

Presidente Prudente

178.572

150.466

84,26%

Presidente Venceslau

29.070

24.741

85,11%

Rancharia

24.599

21.232

86,31%

Regente Feijó

14.767

14.691

99,49%

Ribeirão dos Índios

1.862

1.857

99,73%

Rosana

15.482

13.171

85,07%

Sagres

2.086

1.875

89,88%

Salmourão

4.034

3.723

92,29%

Sandovalina

3.499

3.121

89,20%

Santa Mercedes

2.741

2.391

87,23%

Santo Anastácio

14.980

14.926

99,64%

Santo Expedito

2.716

2.337

86,05%

São João do Pau d'Alho

2.015

1.845

91,56%

Taciba

4.771

4.687

98,24%

Tarabai

5.590

4.739

84,78%

Teodoro Sampaio

18.152

16.361

90,13%

Tupi Paulista

11.410

10.080

88,34%

TOTAL

674.437

594.105

88,10%

Fonte: TSE

Publicidade
eixosp

Veja também