Homem é encontrado morto em estabelecimento abandonado 

Vítima de 42 anos estava caída nas escadas do terceiro andar, com um corte profundo no pescoço; um suspeito foi preso, mas liberado após prestar depoimento

REGIÃO - ROBERTO KAWASAKI

Data 13/09/2021
Horário 11:07
Foto: Jorge Zanoni/Cedida
Militares foram informados por meio de uma denúncia anônima
Militares foram informados por meio de uma denúncia anônima

Um homem de 42 anos foi encontrado morto em um prédio abandonado, em Dracena, na noite de sábado. Dois indivíduos foram presos em flagrante suspeitos de envolvimento no crime. 

Segundo o 25º BPM/I (Batalhão de Polícia Militar do Interior), uma denúncia anônima recebida por volta das 22h informou que no local havia um homem morto, com um corte do pescoço. Ainda conforme a pessoa que entrou em contato com a corporação,  o fato teria ocorrido devido a uma briga.

O local onde aconteceu o homicídio é frequentando por moradores em situação de rua e usuários de drogas.

Os militares foram ao endereço e encontraram o homem caído nas escadas do terceiro andar. Na descrição da Polícia Militar, ele estava “bastante ensanguentado” com “um corte profundo no pescoço”, do lado direito, e já sem vida. “A denúncia falava sobre a autoria do fato e indicava um indivíduo”, afirma a PM.

Diante disso, a equipe realizou diligências e localizou o acusado no bairro Jardim Brasilândia. Conforme os policiais, ele estava com corte na mão. “Ao ser abordado, confirmou ter ido no local e usado entorpecente com a vítima, porém, nega a autoria do homicídio”. 

De acordo com a Polícia Militar, o indivíduo foi conduzido ao Plantão de Polícia Judiciária, onde prestou depoimento e foi liberado. 

Prisões temporárias

No entanto, as polícias Civil e Militar realizaram hoje uma ação que resultou na prisão de dois suspeitos, inclusive, do detido no dia do crime. As prisões ocorreram após a Polícia Civil solicitar mandado de prisão temporária ao Poder Judiciário. 

Ainda, durante a diligências com a indicação de um dos suspeitos, no local do homicídio, foi localizada uma faca aparentando ter vestígios de sangue na lâmina que pode ter sido usada como instrumento do crime. Em outro endereço foram encontradas roupas usadas pelos acusados.

Após ser formalizado o cumprimento das ordens judiciais de prisão, os suspeitos foram conduzidos para uma unidade prisional.

A Policia Civil aguardará os resultados dos laudos periciais solicitados, e tem o prazo de 30 dias para conclusão do relatório do inquérito e pedido da prisão preventiva, ou pela prorrogação de igual prazo da prisão temporária.       


Jorge Zanoni/Cedida - Corpo estava em um estabelecimento abandonado, em Dracena

Veja também