Índices de criminalidade têm queda na região

Dados mostram redução na quantidade de roubos e furtos quando comparados a 2019

REGIÃO - ROBERTO KAWASAKI

Data 21/06/2020
Horário 09:56
Weverson Nascimento - Trabalho integrado entre as policias reflete nos baixos índices criminais na região de PP
Weverson Nascimento - Trabalho integrado entre as policias reflete nos baixos índices criminais na região de PP

Não é de hoje que a região de Presidente Prudente se destaca quando o assunto é a segurança pública. Um levantamento feito pela reportagem, com base no banco de dados da SSP (Secretaria de Segurança Pública) do Estado de São Paulo, aponta que no primeiro trimestre deste ano, os registros de crimes patrimoniais apresentaram queda, se comparados com o mesmo período do ano passado.

No comparativo entre os três primeiros meses de 2019 e 2020, ocorrências de roubo caíram de 108 para 98 (-9,26%), e furto, de 2.262 para 1.855 (-17,99%). Ainda, houve queda nos registros de furto de veículo, de 110 para 89 (-19,09%). De acordo com o Deinter-8 (Departamento de Polícia Judiciária do Interior), a queda nos crimes patrimoniais no primeiro trimestre reflete uma tendência, “com pequenas variáveis” dependendo da área geográfica do fato. Conforme o departamento, as respostas policiais, seja na prevenção ou repressão, também contribuem para efetividade.

“COMPARADOS COM OUTRAS REGIÕES, OS PERCENTUAIS [DE ROUBO] AINDA SÃO BAIXOS”

Deinter-8

Apesar dos decréscimos, o balanço também aponta aumento em roubos de veículos, que dobraram de cinco para dez. Quanto a eles, o Deinter analisa que, se comparados com o quarto trimestre de 2019, houve aumento de sete para dez, mas que os veículos roubados no final do ano foram todos recuperados. “De outra parte, comparados com outras regiões, os percentuais ainda são baixos”, salienta. É o que mostra a Polícia Militar. Conforme o CPI-8 (Comando de Policiamento do Interior), as dez ocorrências de roubo de veículos no trimestre correspondem a 0,1% das ocorrências de roubo a veículo no Estado.

Enquanto no primeiro trimestre a região teve índice de 0,9 ocorrências por 100 mil habitantes, o Estado atingiu 22,95 ocorrências por 100 mil habitantes relacionados a roubos de veículos.

Trabalho integrado

O CPI-8 reforça o trabalho integrado entre as polícias Civil e Militar, junto ao Ministério Público, Poder Judiciário e prefeituras, que garantem os bons índices. “Em que pese tal realidade, o Comando do CPI-8 mantém o foco constante na manutenção de tais índices, almejando a continuidade de sua redução naquilo que for possível”, considera.

Dentre os trabalhos, a corporação cita o planejamento e desenvolvimento de operações voltadas à ostensividade policial militar e à preservação da ordem pública. “O Comando conta com a utilização de ferramentas inteligentes, por meio das quais realiza um constante mapeamento dos indicadores criminais, direcionando o policiamento para pontos sensíveis previamente definidos,” expõe.

“Desta forma, a Polícia Militar do Estado de São Paulo, através do CPI-8, tem intensificado sua produtividade no que se refere à redução dos índices criminais na área de circunscrição”.

DADOS ESTATÍSTICOS DA REGIÃO - JAN/MAR

Crime

2019

2020

Homicídio doloso

10

11

Tentativa de homicídio

18

15

Latrocínio

1

1

Roubo (outros)

108

98

Roubo de veículo

5

10

Furto (outros)

2.262

1.855

Furto de veículo

110

89

     

DADOS ESTATÍSTICOS DA REGIÃO EM 2019

 

Crime

2019

 

Homicídio doloso

50

 

Tentativa de homicídio

63

 

Latrocínio

5

 

Roubo (outros)

404

 

Roubo de veículo

29

 

Furto (outros)

8.592

 

Furto de veículo

400

 

Fonte: SSP

   

 

Veja também