“Refletir em trovas”

JOSÉ COSTA

COLUNA - JOSÉ COSTA

Data 08/04/2021
Horário 03:39

Se atirares uma pedra
E sua mão escondendo,
Tranquilo não ficarás,
Pois Deus no Céu está vendo.
                                                                  (José Costa)

Isenção de multas

Considerando a suspensão parcial das atividades econômicas em função da pandemia da Covid-19, que desequilibra o fluxo de caixa do setor de comércio e serviços e a necessidade de seguir com a manutenção de rígidas medidas sanitárias, de isolamento e de distanciamento social, eficazes na contenção da velocidade de contaminação pelo vírus, a Prefeitura de Adamantina suspendeu, por meio do Decreto 6.337, de 5 de abril de 2021, a incidência de multas e juros sobre o IPTU (Imposto sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana) 2021, ISS (Imposto sobre Serviço) Fixo, Taxa de Licença para Fiscalização de Funcionamento/2021 e ISS Variável/2021 prestador até 30 de dezembro.

Excluídos

Estão excluídos da suspensão de multas e juros os recolhimentos de ISS retido na fonte, de ISS de empresas enquadradas nos regimes Simples Nacional e Microempreendedor Individual, bem como acordos de parcelamentos administrativos e judiciais. O decreto atende a solicitação dos comerciantes que estiveram reunidos na última semana com os representantes do Poder Executivo. A suspensão da cobrança de multas e juros sobre os tributos municipais até dezembro poderá ser reavaliada a qualquer momento. O decreto entrou em vigor na segunda-feira.

100 dias

O prefeito de Irapuru, Ademar Calegão, mais conhecido por Mazinho, como todos seus companheiros do Brasil completam neste sábado 100 dias de governo. Ele recebeu a imprensa em seu gabinete, e afirmou que procurou fazer muitas coisas para o município, porém, de todo esse tempo, cerca de 80% foram destinados aos problemas da Covid-19. Sua preocupação maior é que esse assunto só se encerra com a colaboração e conscientização da população, que deve entender ser importante a participação de cada um. Um simples decreto não evita o contágio e muito menos mortes, mas o cumprimento desse documento por parte da população sim. Mas, segundo ele, Irapuru não poderá ter resultados se todos os demais municípios não agirem da mesma forma.

Vandalismo

Uma estátua em homenagem à cultura indígena de Tupã, que fica na Praça da Bandeira, foi alvo de vandalismo. Na manhã desta terça-feira, o monumento foi encontrado caído com as pernas quebradas. A Prefeitura de Tupã informou que solicitou buscas nas câmeras de monitoramento para identificar os possíveis autores do vandalismo. Ainda segundo a Prefeitura, também foi feito contato com o artista plástico Itamar de Freitas, que construiu e doou a estátua feita de cimento e ferros, e ele já esteve no local para restaurar a obra.

Projeto rejeitado

O projeto de lei que pedia a proibição da soltura de fogos de artifícios com estampido em áreas públicas e privadas, que compreende todo o município de Parapuã, foi reprovado durante votação realizada na 5ª sessão ordinária da Câmara Municipal. Por seis votos contrários dos vereadores: Molina, Mosquinha, Amaral, Rick do Marquinho, Ney Temporim e Paulinho, o projeto de lei foi rejeitado, impossibilitando assim a aplicação no município de Parapuã. Como justificativa do envio para votação, os vereadores responsáveis, Éder Castro Menezes (Republicanos) e Tenente PM João Miguel (PSDB), destacam que “as situações de alegria para os seres humanos se transformam em situações de sofrimento para pessoas com deficiência, idosos, e muitos animais (...). A poluição sonora causada pelos fogos de artifício perturba pacientes em hospitais, idosos e crianças, pessoas com necessidades específicas e autistas”. Teve seis votos contra.

Vale-transporte ao trabalhador

A Câmara de Osvaldo Cruz aprovou nesta segunda-feira, 5, em sessão ordinária o Projeto de Lei 13/2021, de autoria da prefeita Vera Morena, em votação única, a criação do Vale-Transporte ao Trabalhador. O objetivo é auxiliar trabalhadores em seu deslocamento para os locais de trabalho distantes da área central. O projeto recebeu emenda para acrescentar que o transporte seja feito pela Prefeitura, através de veículo do município.  

Mudanças de hábito

Ontem, cerca de 100 veículos participaram do cortejo fúnebre do irapuruense Edson Guarezzi, uma pessoa muito querida da cidade. Em época de pandemia, a fim de evitar aglomerações pela Covid-19, por várias vezes a cidade vem fazendo esse tipo de homenagem, seguindo de carros e chegando ao cemitério, sem descer dos mesmos e prestar as devidas homenagens. Com 54 anos, “Tozinho” como era conhecido, teve uma parada cardiorrespiratória e não “foi mais uma vítima” da Covid-19, assegurou a profissional médica que o atendeu.

Veja também