“Técnica trabalha conexão entre o corpo e a mente”

Sinomar

COLUNA - Sinomar

Data 31/05/2020
Horário 04:45
Fisioterapeuta Rita de Cássia Peres, em sua nova clínica, no Jardim Rio 400 Foto: Fisioterapeuta Rita de Cássia Peres, em sua nova clínica, no Jardim Rio 400

A fisioterapeuta Rita de Cássia Peres aproveitou a quarentena para desenvolver o espaço da Clínica Eutonia, que acaba de ganhar novas instalações na Rua Vicente Furlaneto, 379, no Jardim Rio 400. Nessa nova clínica, Rita desenvolve a fisioterapia integrativa, abordagem de harmonização corporal, que segundo ela, engloba técnicas de terapia manual que trabalham a conexão entre o corpo e a mente, proporcionando melhor controle postural e reabilitação da cadeia cinética. A Clínica Eutonia também oferece tratamentos de pilates e RPG (Reeducação Postural Global)

............................

BOM DIA
Toda jornada começa com um primeiro passo. Se está com dificuldade de iniciar, busque alguém que possa te orientar. Comece agora.

REINVENTAR
O que esperar do cenário pós-pandemia? Essa é uma pergunta que tem se tornado frequente nos últimos meses, que tem levado diversas empresas a mudar sua dinâmica de trabalho. Diante de muitas incertezas, especialistas apontam que o que chamávamos de futuro do trabalho já é uma realidade, com diversos países já avançando no processo de automatização e robotização dos processos.

APOIAR
O pensamento coletivo é a arma mais eficaz contra o coronavírus! Vamos agir! Consumir nos estabelecimentos locais! Gerar emprego e renda para nossa gente! #apoieocomerciolocal

CRIAR
Pesquisadores da Universidade Harvard e do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) estão desenvolvendo uma máscara de proteção que será capaz de detectar se a pessoa está infectada com o novo coronavírus. Sempre que o indivíduo tossir, espirrar ou respirar, uma luz fluorescente se acenderá. Para os cientistas, isso poderá ajudar a sanar o problema da falta de testes, recorrente em muitos países, uma vez que os doutores podem colocar a máscara nos pacientes e descobrir rapidamente, sem precisar levar os exames a um laboratório, se eles têm ou não a Covid-19.

LUTO
Na última sexta-feira, partiu um amigo de muitos: Eder Canziani, professor do Curso de Tecnologia em Gestão Comercial da Unoeste. Professores, funcionários administrativos, alunos e ex-alunos se lembrarão da pessoa sorridente, que sempre estava presente com uma conversa animada e confortadora. “Anos de convívio, nos fez pessoas edificadas com suas palavras, com suas atitudes e serenidade diante de toda e qualquer adversidade”, falou sobre ele, o colega professor, Wilson Lussari.

Veja também