Agricultura familiar

JOSÉ COSTA

COLUNA - JOSÉ COSTA

Data 13/01/2022
Horário 03:33

O município de Junqueirópolis se prepara para sediar a 2ª Conferência Regional da Agricultura Familiar prevista para ocorrer no mês de março de 2022, juntamente com o lançamento da 1ª edição da exposição AMENDOSOJA, de incentivo regional, para produção do amendoim e soja. A reunião para discutir a realização do evento em Junqueirópolis ocorreu no gabinete da Prefeitura, onde o prefeito Osmar Pinatto e o diretor de Agronegócio, Josemar de Souza, Nego, receberam Eliane Gomes Fabri, diretora do Centro de Pesquisa em Horticultura – IAC/APTA de Campinas, Wilson Seidy Akabane, secretário municipal de Agricultura de Irapuru, e Osvaldo Dias, diretor-presidente da Coopaj (Cooperativa Agrícola de Junqueirópolis).  

O QUE SERÁ 
A 2ª Conferência Regional, que trará informações importantes sobre a assistência técnica aos produtores da agricultura familiar, marcará novos tempos para a Nova Alta Paulista e Junqueirópolis. Agricultura familiar é toda forma de cultivo de terra que é administrada por uma família e emprega como mão de obra os membros da mesma. A produção de alimentos ocorre em pequenas propriedades e se destina à subsistência do produtor rural e ao mercado interno do país.

PÚBLICO-ALVO
Qualquer interessado poderá participar do evento e, embora seu um espaço amplo, ele estará limitado aos que se inscreverem antecipadamente. Informações pode ser obtidas pelo agrônomo organizador, Seidi Akabane, pelo fone (18) 99694-4247.

TENDA PARA ATENDIMENTO
A tenda em frente ao Cemac (Centro Municipal de Atendimento à Covid), em Dracena, foi reinstalada nesta terça-feira (11). De acordo com a secretária municipal de Saúde, Cláudia Luginick, de um lado ficam os pacientes positivados e de outro os suspeitos. Com isso, a Rua Virgílio Pagnozzi, no trecho em frente ao Cemac, está com o trânsito impedido. Conforme a pasta, o público que necessita do serviço terá novamente à disposição uma grande tenda para aguardar o atendimento na unidade em frente à Santa Casa e evitar aglomerações. 

AS RAZÕES
A secretária municipal de Saúde disse que a medida foi tomada por causa do aumento de pacientes que estão procurando pela unidade.  Em dezembro, até por volta do dia 15, a média de pacientes atendidos na unidade por dia era de 30 pessoas; no dia 10, por exemplo, saltou para 163 pacientes, em apenas um dia. O Cemac atende de segunda a segunda. A Secretaria Municipal de Saúde salientou que a equipe de profissionais de enfermagem que atua no local também já foi ampliada.

EXPRESSO DE PRATA
O Grupo Comporte, comandado pela família Constantino Oliveira, adquiriu a tradicional Expresso de Prata, empresa de ônibus rodoviários e suburbanos com sede em Bauru (SP), com quase 100 anos de atuação e, atualmente, com aproximadamente 190 veículos. Ela atende a toda a Alta Paulista com destino a São Paulo.
O intuito do grupo, pelo menos no primeiro momento, é manter a marca Expresso de Prata. Ainda não há definição sobre se será adotada a pintura padrão das empresas do grupo, do projeto BR Mobilidade.

NOVO DONO
O Grupo Comporte, um dos maiores do setor rodoviário do país, aumenta em tamanho e em área de cobertura. A possibilidade de compra já era considerada no setor. Os valores não foram divulgados. O grupo atua em 12 Estados e mais do Distrito Federal, atendendo a mais de 700 cidades, com 7,2 mil ônibus, entre urbanos, suburbanos, fretamento e rodoviários, números de antes da mais nova aquisição.

AUTISTAS
O município de Lucélia, em atendimento à Lei 6.945/2021, que inclui pessoas com TEA (Transtorno Espectro Autista) na lista de atendimento prioritário em estabelecimentos comerciais, serviços e instituições financeiras, promulgou a Lei Municipal n4.948, em maio de 2021. Desde então, fica estabelecido no município o atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados às pessoas com TEA, conhecido também como autismo. Os estabelecimentos deverão incluir nas placas de atendimento prioritário o símbolo mundial da conscientização do TEA.

CARTEIRINHA/TEA
Com o objetivo de melhorar a identificação de portadores de autismo, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Assistência Social, entregou às famílias que têm portadores de TEA, uma carteirinha, contendo nome e foto, evitando que tenham que apresentar laudo médico. As famílias comemoram a conquista, pois entendem que esperar em filas é difícil, pois, geralmente, os portadores de autismo são impacientes e tendem a ter crises em locais como mercados, lotéricas, bancos, etc.

REFLEXÃO DE TROVAS
Corpo e alma nesta vida
Fazem só uma viagem:
- Alma é para o infinito,
O corpo ´sta de passagem.
(José Costa)

Veja também