APE realiza hoje 61ª edição do Sarau Solidário

VARIEDADES - Oslaine Silva

Data 20/09/2014
Horário 07:10
 

 

"Raízes Prudentinas e da Alta Sorocabana"! Este é o tema da 61ª edição do Sarau Solidário, realizado mensalmente pela APE (Associação Prudentina de Escritores), que ocorre neste sábado, a partir das 19h30, no Teatro Paulo Roberto Lisboa, no Centro Cultural Matarazzo, em Presidente Prudente. Desde 2010, no mês de setembro, a associação presta uma homenagem aos produtores culturais que desenvolvem seus trabalhos na cidade e região, com o Troféu Benjamin Resende. A entrada é um quilo de alimento não perecível, que posteriormente será doado ao Hospital Psiquiátrico Allan Kardec.

Jornal O Imparcial Na dança, Tamara Barbosa encanta com movimento e leveza

De acordo com Carlos Francisco Freixo, presidente da APE, desde as edições anteriores cerca de 80 personalidades que os inspiram, os motivam, os questionam e deliciosamente os inquietam, foram homenageadas. E nesta quinta edição do "Raízes...", mais 18 artistas serão agraciados nas áreas de: artes, dança, literatura, fotografia e música. "Além, do troféu Cidadão para agradecermos atitudes cidadãs daqueles que não esperam que alguém resolva algo que deveria ser feito, mas toma a frente: e precisamos de pessoas assim, inspiradas e de atitude", enfatiza Freixo.

O presidente expõe que este é um encontro sempre muito especial, em que se destaca a produção local. Prova disso, neste serão registrados momentos marcantes com a participação de parceiros da AVL (Academia Venceslauense de Letras) e AEITS (Associação de Escritores e Ilustradores de Teodoro Sampaio), duas entidades que se fortalecem a cada dia na produção, execução e divulgação das artes na região.

"Em 2010 e 2011, fizemos o ‘Raízes Prudentinas’ e, em 2013, ampliamos para ‘Raízes Prudentinas e da Alta Sorocabana’, pois notamos que na região, muitos vinham produzindo muita arte, que nem sempre tínhamos a dimensão real do que estava acontecendo", pontua Freixo.

 

Talentos de casa

Ele, que também é escritor, explica que seus olhares não deixaram de buscar nas capitais aqueles que serão para sempre admirados e que são referência para todos. Mas apenas entenderam que não poderiam deixar de perceber os talentos que se tem em casa.

E faz várias indagações para que as pessoas reflitam: Como não ler algo de quem está tão perto de você, oferecendo sensibilidade na apresentação de grandezas tão interessantes? Como não notar a dança executada dia a dia por dançarinos/bailarinos que se entregam em suas pesquisas e exploram a criatividade na execução de seus projetos? Como não nos encantam fotógrafos que em seu trabalho extremamente sério nos permitem observar e perceber os encantos de pessoas, paisagens e histórias eternizando momentos?

"Como nos fala o nosso patrono Benjamin Resende, ‘para que relembrem uma Prudente de ontem com sua paisagem humana’ – essa paisagem de chão, de suor, de percepção, de solidariedade, reconheçamos o que temos de bom", frisa.

 

Box

HOMENAGEADOS

 

Cidadão: João Maria de Souza - Memorial Teodoro Sampaio

Fotografia: Minoru Onoe

Artes: Vadinho e Lisandra Ferruzzi (Álvares Machado)

Dança: Tamara Barbosa e Fernanda Benvenuto

Escritores: Eunice Ladeia Guimarães Lima, José Caetano Silva, Nicolly Bueno (Presidente Venceslau), Ada Roque (Presidente Venceslau), Arlinda Garcia de Oliveira Marques (Presidente Venceslau), Ari Florentino da Silva (Presidente Venceslau), Lee Kauê, Nélson Hilário Carneiro – mestre Nélson Muzenza Capoeira & Alongamento e Henrique Chagas

Música: J.J.Samogim, Flávio de Jesus Rolo e Adriana Cavalcanti

Veja também