Assistência Social de Prudente acolhe 31 imigrantes no Estádio Caetano Peretti

Eles serão acompanhados por equipe multidisciplinar, cujo atendimento inclui serviços médico e psicológico, abrigo e alimentação

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 22/06/2021
Horário 17:39
Foto: Marcos Sanches/Secom
Imigrantes serão monitorados por aproximadamente 14 dias
Imigrantes serão monitorados por aproximadamente 14 dias

A Prefeitura de Presidente Prudente, por meio da SAS (Secretaria Municipal de Assistência Social), acolheu 31 imigrantes no Estádio Municipal Caetano Peretti. Eles estão sendo acompanhados por uma equipe multidisciplinar, cujo atendimento inclui assistência social, serviços médico e psicológico, abrigo e alimentação.

De acordo com a titular da pasta, Clélia Tomazini, o serviço foi oferecido a eles de maneira voluntária. “Nossa maior preocupação era com as crianças, que estavam em situação de vulnerabilidade. Acolhidas, elas se encontram em segurança, com abrigo limpo e seguro e alimentação de qualidade”, expõe.

Os imigrantes serão monitorados por aproximadamente 14 dias, conforme orientação das autoridades de saúde.

Na manhã desta terça, Clélia; a diretora da Proteção Básica, Luzia Fabiana Sales; a diretora da Proteção Especial, Andreia Subtil; e a coordenadora da Gestão do Suas (Sistema Único de Assistência Social), Silmara Mendes, participaram de uma videoconferência com o MPE (Ministério Público Estadual) para tratar sobre a população em situação de rua, Paif (Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família), plano de atendimento socioeducativo e plano de convivência.

Veja também