CAC de Prudente abre inscrições para adolescentes de 14 a 17 anos incompletos

Interessados em participar de projetos sociais da entidade devem preencher formulário na internet; serão disponibilizadas 280 vagas de imediato

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 18/10/2021
Horário 14:28
Foto: Reprodução
Inscrições serão efetuadas exclusivamente no site da instituição
Inscrições serão efetuadas exclusivamente no site da instituição

Começaram nesta segunda-feira as inscrições da CAC (Casa do Aprendiz Cidadão) de Presidente Prudente para o ano de 2022. A entidade atende adolescentes e jovens de 14 a 24 anos em situação de vulnerabilidade social, qualificando e inserindo no mercado de trabalho.

Hoje, a CAC oferece inscrições apenas para os projetos sociais, que atendem os adolescentes de 14 a 17 anos incompletos, e suas famílias, oferecendo qualificação de forma gratuita. A data de encerramento das inscrições será no dia 12 de novembro, enquanto o chamamento será feito ainda este ano para a realização da entrevista social. 

Serão admitidas 380 inscrições, sendo que 280 vagas serão disponibilizadas de imediato e, em caso de novas oportunidades, os demais inscritos serão chamados por ordem de inscrição e de acordo com a análise socioeconômica.

Dentre os projetos oferecidos, os inscritos têm opções como rotinas administrativas, oficinas de fotografia, teatro e grafitti.

Os interessados deverão se inscrever no site da instituição (www.cacpp.com.br/inscricao), preenchendo todo o questionário e selecionando a opção "auxiliar administrativo". 

No momento, não é necessário que compareçam à CAC para se inscrever. Como forma de facilitar aos interessados, as inscrições serão efetuadas exclusivamente no site da instituição, tendo o inscrito apenas que aguardar o contato.

Os selecionados deverão apresentar posteriormente os demais documentos (RG, CPF, comprovante de vacinação contra a Covid-19, comprovante de endereço e comprovação de que possui material apto, como smartphone, notebook ou tablet, para assistir às aulas remotas ou gravadas, visto que há a possibilidade de o curso iniciar na modalidade Educação a Distância, considerando o estado de pandemia).

Veja também