Publicidade

Candidatos ao Enem poderão votar na data de realização das provas

Interessados deverão selecionar datas entre dezembro deste ano e maio de 2021; período para escolha será entre 20 e 30 de junho

REGIÃO - DA REDAÇÃO

Data 10/06/2020
Horário 16:43
Marcello Casal Jr/Agência Brasil - Inscritos poderão acessar a Página do Participante e votar em que data querem que aplicação aconteça Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil - Inscritos poderão acessar a Página do Participante e votar em que data querem que aplicação aconteça

O Inep (Instituto Anísio Texeira Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), responsável pelo Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), decidiu fazer uma enquete com os participantes para que eles possam contribuir, de forma voluntária, na escolha da aplicação das provas do Enem 2020. As informações são do governo federal.

A iniciativa busca dar oportunidade aos interessados de sugerirem o melhor período para a realização das provas e garantir transparência. Os inscritos poderão votar entre os dias 20 e 30 de junho.

Durante o período da enquete, os inscritos deverão acessar a Página do Participante (enem.inep.gov.br), com CPF e senha utilizados no cadastro do portal único do governo federal, o gov.br, e indicar um dos períodos:

 

Enem impresso: 6 e 13 de dezembro de 2020 / Enem digital: 10 e 17 de janeiro de 2021;

Enem impresso: 10 e 17 de janeiro de 2021 / Enem digital: 24 e 31 de janeiro de 2021; ou

Enem impresso: 2 e 9 de maio de 2021 / Enem digital: 16 e 23 de maio de 2021.

 

Mudanças 

O adiamento nas datas de realização do Enem 2020 foi determinado pelo MEC (Ministério da Educação) e pelo Inep em razão do impacto da pandemia do novo coronavírus. O Enem impresso estava previsto para os dias 1º e 8 de novembro, e o digital, para 22 e 29 do mesmo mês.

Principal porta de entrada para cursos do ensino superior, em universidades públicas e privadas, o Enem deste ano contou com mais de 6 milhões de inscritos, sendo que a maioria, 65%, indicou que já havia concluído o ensino médio em anos anteriores. Outros 23% estão no terceiro ano e 12% são “treineiros”, estudantes que fazem a prova para testar conhecimentos.

Veja também