Com baixa cobertura vacinal infantil, Prudente realiza Dia D de imunização contra pólio

VEM demonstra preocupação, uma vez que há mais de 10 mil crianças para vacinar e, até o momento, 1.255 foram levadas às unidades

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 16/10/2020
Horário 15:30
Marcelo Camargo/Agência Brasil - Dia D para imunização do público infantil ocorre em 27 unidades de Prudente Marcelo Camargo/Agência Brasil - Dia D para imunização do público infantil ocorre em 27 unidades de Prudente Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil - Dia D para imunização do público infantil ocorre em 27 unidades de Prudente

Neste sábado, ocorre o Dia D das campanhas nacionais de vacinação contra a poliomielite e multivacinação para atualização das cadernetas. Dessa forma, das 8h às 16h30, as 27 unidades de Presidente Prudente que contam com sala de vacina estarão abertas para receber os públicos-alvos de ambas as iniciativas.

A supervisora da VEM (Vigilância Epidemiológica Municipal), Elaine Bertacco, diz que as equipes estão preocupadas com a cobertura vacinal contra a pólio, uma vez que há mais de 10 mil crianças para imunizar e, até o momento, só 1.255 foram levadas às unidades. “Onde estão as outras? Por que os responsáveis não as levam? Essas são questões que nos preocupam. A doença no Brasil já foi erradicada, mas em outros países está circulando. Se tivermos uma população imunizada, o risco de o vírus ser reintroduzido no país é menor”, aponta Elaine.

De acordo com dados da VEM, além das 1.255 crianças de um a menores de cinco anos vacinadas na Campanha Contra a Pólio, 542 pessoas, entre crianças e adolescentes, receberam alguma vacina durante a Campanha de Multivacinação. Deste total, 310 são menores de um ano e 232 têm entre cinco e 15 anos incompletos.

Público-alvo

A Campanha Contra a Pólio ocorre de forma indiscriminada, ou seja, independentemente de quantas doses há na caderneta de vacinação, todas as crianças de um ano a cinco incompletos, isto é, quatro anos, 11 meses e 29 dias, devem ser levadas às unidades de saúde para tomar a gotinha. Já a Campanha de Multivacinação é voltada a crianças e adolescentes menores de 15 anos.

A supervisora ressalta ainda a importância de levar as demais crianças e os adolescentes, desde aquelas menores de um ano e até os menores de 15 anos, para que seja conferida a caderneta de vacinação. “Quem não é profissional tem dificuldades, pois essa pessoa não sabe quais são as vacinas necessárias e quantas doses são de cada uma. Essa é uma oportunidade”.

Sorteio de bicicletas

Elaine destaca que para o público-alvo da Campanha Contra a Pólio haverá sorteio de bicicletas. Assim, todos os responsáveis que levarem as crianças terão direito a um cupom para concorrer ao prêmio. Aqueles que já levaram podem ir à unidade de saúde com a caderneta de vacinação que também terão direito a retirar o cupom.

Protocolos de segurança

Elaine frisa que todas as unidades de saúde estão preparadas para receber os munícipes de acordo com os protocolos do Ministério da Saúde contra a pandemia de coronavírus, a Covid-19, bem como lembra que todas as vacinas são gratuitas e que por isso “não há motivo para que as pessoas não compareçam às unidades”.

Veja também