Como fica a retomada do 2º semestre no ensino superior? 

Algumas instituições de Prudente seguem com aulas remotas; outras adotaram sistema híbrido ou voltaram com as atividades presenciais

PRUDENTE - CAIO GERVAZONI

Data 11/08/2021
Horário 04:02
Foto: Freepik
Instituições podem receber alunos presencialmente com taxa de ocupação de 80% das salas de aula
Instituições podem receber alunos presencialmente com taxa de ocupação de 80% das salas de aula

A partir deste mês, as instituições de ensino técnico de nível superior, universidades e faculdades públicas e privadas retomam as aulas para o segundo semestre letivo. As unidades poderão receber alunos presencialmente com taxa de ocupação de 80% das salas de aula, conforme decreto publicado no Diário Oficial, no início do mês passado pelo governo do Estado de São Paulo. De acordo o governo, as unidades de ensino superior devem seguir as mesmas regras de ocupação que o setor de serviços delineadas pelo Plano São Paulo. A reportagem procurou novamente as instituições de ensino superior de Presidente Prudente para saber quais serão as medidas tomadas para o segundo semestre. 
Nas instituições públicas de ensino técnico e superior, a FCT/Unesp (Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista) anunciou que as aulas continuam de forma remota. Em comunicado, a instituição informou que levará em conta diversos aspectos para poder retomar as atividades presenciais a partir do ano que vem. “Acreditamos ser importante enfatizar que a retomada das atividades presenciais estará associada a fatores tais como a vacinação de nossa comunidade, situação epidemiológica da pandemia e condições de biossegurança de nossas unidades”. 
Já a Assessoria de Comunicação do Centro Paula Souza informa que as Fatecs (Faculdades de Tecnologia) retomaram as atividades presenciais no dia 9 de agosto e que neste momento o retorno dos alunos é facultativo. As turmas que possuem mais de 21 alunos serão divididas em grupos, que irão alternar entre o presencial e o remoto no esquema de rodízio. O início do semestre ocorreu no dia 28 de julho de forma remota. 

Instituições privadas

Na Unoeste (Universidade do Oeste Paulista) as atividades presenciais foram retomadas na segunda-feira. A universidade publicou em seu site o plano de retomada da instituição neste segundo semestre. Os cursos da área da saúde retornaram com 100% da capacidade, conforme a exceção contida no Decreto 65.635, de 16 de abril de 2021. Os cursos das demais áreas do conhecimento retornaram com as aulas teóricas com até 80% da capacidade da sala de aula. De acordo com a Unoeste, as coordenações dos cursos irão mediar caso a caso dos estudantes que não puderem comparecer presencialmente nas aulas.
Por sua vez, a Toledo Prudente Centro Universitário retomou as aulas remotas no dia 2 de agosto e a partir do dia 16 ocorre a retomada gradual das aulas presenciais, com 60% da capacidade das salas de aula. “Durante a semana, os alunos terão aulas remotas e aulas híbridas. Ou seja, nas aulas remotas sempre assistem de casa. Nas aulas hi-flex, eles podem escolher se assistem de casa ou presencialmente na Toledo”, informa a Assessoria de Comunicação da instituição. As aulas práticas serão 100% presenciais e a presença do estudante é obrigatória. 
Em seu turno, a Faculdade de Presidente Prudente (Fapepe/Uniesp) retomou as atividades de forma remota na segunda-feira. Segundo a diretora da instituição, Lilian Moreira Gualda, cada curso conta com uma programação específica e a partir do dia 16 será feita uma organização para o retorno das aulas práticas presenciais. “O intuito é de iniciá-las na última semana de agosto. Já as disciplinas teóricas continuarão no formato remoto, por enquanto”, informa Lilian.
Já na Fasol (Faculdade Solidária do Oeste Paulista, a diretora da instituição, Letícia Coelho, comunica que as aulas foram retomadas presencialmente no começo desta semana. De acordo com ela, a presença dos alunos será facultativa. A faculdade disponibilizará aulas remotas para os estudantes que optarem por não comparecer às aulas presenciais. 

Veja também