Construção civil de Prudente opera “a todo vapor” 

Exemplos desta reportagem demonstram, segundo o presidente da Associação de Engenheiros e Arquitetos, a pujança e desenvolvimento de Prudente

PRUDENTE - MARCO VINICIUS ROPELLI

Data 01/10/2020
Horário 04:00
Cedida - Edifício Neo Petrópolis será finalizado, conforme a Mampei Funada, em meados de 2021  Cedida - Edifício Neo Petrópolis será finalizado, conforme a Mampei Funada, em meados de 2021  Imagem: Cedida - Edifício Neo Petrópolis será finalizado, conforme a Mampei Funada, em meados de 2021 

O presidente da Associação de Engenheiros e Arquitetos de Presidente Prudente, José Alberto de Barros Fial, demonstra entusiasmo com o momento da construção civil em Presidente Prudente. Construtoras da cidade vêm levantando importantes empreendimentos em solo prudentino. Exemplos são o Edifício Neo Petrópolis, da construtora Mampei Funada; o edifício Paço Real (que se tornará o mais alto da cidade), idealizado pela PC&NR incorporações (Constrix Engenharia e Comércio); e um centro médico no Euromarket
“Os investimentos são bem-vindos. Mostram a pujança da cidade, o desenvolvimento, a visão dos empresários locais”, destaca Fial. Ele afirma não acreditar que seja apenas “um momento”. Segundo ele, essa tendência de investimentos na construção civil parece ter vindo para ficar. “É a visão de que o dinheiro parado não rende, quem pode investir, investe”, completa. 
E para se ter noção da contribuição da construção civil para o desenvolvimento da cidade, somente as obras citadas geram juntas, direta e indiretamente, cerca de 750 empregos. “A construção civil sempre foi e continuará sendo um dos pilares que movimenta não só a economia da nossa região, como a do nosso país”, ressalta o diretor-executivo da Mampei Funada, Renato Yukio Funada, 45 anos. “As obras fortalecem o comércio e a indústria, e geram qualidade de vida para a população”, completa o engenheiro Civil, Bruno Ferro, 26 anos. 

A CONSTRUÇÃO CIVIL SEMPRE FOI E CONTINUARÁ SENDO UM DOS PILARES QUE MOVIMENTA NÃO SÓ A ECONOMIA DA NOSSA REGIÃO, COMO A DO NOSSO PAÍS
Renato Fundada 

Prudente nas alturas

Em julho de 2023, data de entrega da obra, a cidade poderá ser vista do 29º andar daquele que será o maior prédio do município, o Paço Real, da PC&NR incorporações. Neste momento, o prédio está com alvenaria pronta até o 17° pavimento, mas já tem estrutura preparada até o 22° piso. 
Conforme a empresa, alguns pontos fazem do Paço Real um edifício com diferenciais: a localização privilegiada ( Parque do Povo), apartamentos amplos (151,04 m²) com opção de junção (302,08 m² e 6 vagas de garagem) e área de lazer completa.
Cada apartamento contará com três suítes, sala de estar e jantar integradas, cozinha, lavanderia com banheiro de serviço e varanda gourmet. A área de lazer, por sua vez, terá à disposição piscina, academia, salão de festas, quiosques e quadra poliesportiva. 
“[O edifício] mostra a força da construção civil no município, contribuindo com alto recolhimento de tributos e grande geração de emprego para cidade”, ressalta a empresa.

Investimento de R$ 30 milhões

O valor que tem sido investido em Presidente Prudente somente no empreendimento Neo Petrópolis, localizado no Jardim Petrópolis, da Mampei Funada, é de R$ 30 milhões, conforme o diretor-executivo Renato. O prédio, que está com 40% das obras concluídas e que estará totalmente pronto em agosto de 2021, terá no total 23 andares, sendo 18 pavimentos de apartamentos que totalizam 144 unidades de um ou dois dormitórios, um pavimento de itens de lazer e serviços, um pavimento térreo, um pavimento garagem e dois pavimentos subsolo.
Renato aponta aquilo que ele vê como diferenciais do projeto: “arquitetos de renome nacional, como Benedito Abbud; entregamos todas as áreas comuns equipadas e mobiliadas; mais de 15 itens de lazer e serviços; vaga para carregamento de carro elétrico; infraestrutura para automação nos apartamentos; porta dos apartamentos com abertura por teclado numérico; taxa condominial baixa; grupo gerador de energia para os elevadores em caso de falta de energia; entre tantos outros”, pontua.

5 clínicas no mesmo lugar

Bruno Ferro explica o centro médico que está sendo construído, com previsão de conclusão para março de 2021: “uma construção voltada para a área da saúde, através de clínicas médicas, com previsão de instalações de equipamentos médicos como: ressonância magnética, raio-x, laboratório de análises clínicas e salas de pequenas cirurgias”.
Segundo ele, na edificação Euromarket, que contará com um pavimento térreo de aproximadamente 1,5 mil m², haverá, também, um pavimento inferior, com as mesmas dimensões, com a finalidade de estacionamento coberto. Totalizando serão em torno de 3 mil m² de área de ampliação. Os pavimentos terão comunicação por elevador. 

Fotos: Cedidas

construção civil a todo vapor em presidente prudente
Centro Médico, no Euromarket, terá, ao todo, 3 mil m² e cinco clínicas 

construção civil a todo vapor em presidente prudente
Paço Real (mais alto) ao lado de outra obra em andamento da PC&NR, o Majestic

construção civil a todo vapor em presidente prudente
Paço Real se tornará o mais alto de toda Prudente e região 

SAIBA MAIS

CONSTRUÇÃO CIVIL

Setor da construção civil está otimista para 2019

Veja também