Covid-19: Prudente inicia vacinação de crianças com comorbidades e deficiências nesta segunda

Imunização no público de 5 a 11 anos começa a partir das 13h30 nas 27 unidades do município; será administrada a dose pediátrica da Pfizer

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 14/01/2022
Horário 12:37
Foto: Marcos Sanches/Secom
Vacina será aplicada nas crianças em duas doses e intervalo de 12 semanas entre elas
Vacina será aplicada nas crianças em duas doses e intervalo de 12 semanas entre elas

A Prefeitura de Presidente Prudente, por meio da VEM (Vigilância Epidemiológica Municipal), iniciará a vacinação contra a Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos a partir das 13h30 desta segunda-feira.

Conforme orientação do Ministério da Saúde, a campanha priorizará neste primeiro momento as crianças com comorbidades, deficiências, indígenas e quilombolas. As condições de risco devem ser comprovadas mediante a apresentação de exames, receitas, relatório médico ou prescrição médica. Os cadastros já existentes nas unidades básicas de saúde poderão ser utilizados.

O Ministério da Saúde considera como comorbidades: insuficiência cardíaca; cor-pulmonante e hipertensão pulmonar; cardiopatia hipertensiva; síndrome coronariana; valvopatias; miocardiopatias e pericardiopatias; doença da aorta, dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas; arritmias cardíacas; cardiopatias congênitas; próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados; talassemia; síndrome de Down; diabetes mellitus; pneumopatias crônicas graves; hipertensão arterial resistente e de artéria estágio 3; hipertensão estágios 1 e 2 com lesão e órgão alvo; doença cerebrovascular; doença renal crônica; imunossuprimidos (incluindo pacientes oncológicos); anemia falciforme; obesidade mórbida; cirrose hepática; e HIV (vírus da imunodeficiência humana).

O imunizante pediátrico da Pfizer, o único aprovado até o momento para esta faixa etária, será distribuído na rede municipal na segunda-feira de manhã, de acordo com a coordenadora técnica da VEM, Vânia Maria Alves.

A vacina será aplicada nas crianças em duas doses e intervalo de 12 semanas entre elas, assim como nos adultos, mas a dosagem, a composição e a concentração da vacina pediátrica são diferentes das administradas em adultos. O frasco do imunizante pediátrico também tem uma cor diferente do aplicado em adultos, com tampa de cor laranja, para facilitar a identificação durante o manuseio pelos profissionais de saúde.

Para agilizar a vacinação, evitar filas e acelerar o processo, a VEM orienta que seja efetuado o pré-cadastro no site vacinaja.sp.gov.br.

Serviço

O município de Presidente Prudente conta com 27 salas de vacinação, entre UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e ESFs (Estratégias de Saúde da Família). Neste primeiro dia, as crianças serão atendidas das 13h30 às 16h30. A partir de terça-feira, o atendimento para este público retornará ao período habitual, que é das 7h30 às 16h30.

Veja também