Diretor do Itesp conhece trabalho de produtores no oeste paulista 

Cristiano Machado

Diogo Telles Martins Pereira cumpriu agenda nesta semana nas regiões da Alta Sorocabana e Pontal do Paranapanema: entregou contratos, se reuniu com servidores e visitou propriedade rural

COLUNA - Cristiano Machado

Data 28/05/2021
Horário 06:30
Foto: Divulgação/Itesp
Diretor do Itesp, Diogo Telles, visita propriedade em assentamento em Presidente Bernardes 
Diretor do Itesp, Diogo Telles, visita propriedade em assentamento em Presidente Bernardes 

Titular do órgão responsável por planejar e executar políticas agrária e fundiária no Estado de São Paulo, Diogo Telles Martins Pereira cumpriu agenda nesta semana nas regiões da Alta Sorocabana e Pontal do Paranapanema, no oeste paulista. Diretor-executivo do Itesp (Fundação Instituto de Terras do Estado de São Paulo), ele entregou contratos de concessão, se reuniu com servidores e visitou propriedade rural. 
A entrega dos contratos ocorreu na Câmara Municipal de Mirante do Paranapanema. Foram dois documentos de concessão de uso e dois termos de parceria agrícola para produtores rurais dos assentamentos Arco-íris e São Bento. Foram beneficiados: Pedro Lopes dos Santos e seu filho Paulo Lopes dos Santos, do lote 040, do assentamento Arco-íris, e o casal Doraci Sebastiana dos Santos e Manoel Valdeci Barbosa, e os seus agregados Marcelo de Souza Barbosa e sua esposa Munique Bursi de Lima, do lote 182, setor 04, do assentamento São Bento.
Para conseguir o contrato de concessão de uso, a família precisa estar há pelo menos cinco anos na propriedade.  “O contrato proporciona maior segurança jurídica ao beneficiário, sendo uma etapa posterior ao termo de permissão de uso da terra”, disse o diretor. 
Após conseguir o contrato de concessão de uso, a família pode firmar parceria agrícola entre titulares e agregados, que dá direito a nova Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP) e nova Declaração de Conformidade ao PPAIS (Deconp), possibilitando acesso a crédito e novo talão de produtor rural.

Divulgação/Itesp

Itesp entregou ainda contratos de concessão de uso e termo de parceria agrícola em Mirante

Visita a assentamento

Um dos compromissos de Diogo Telles que mereceu destaque foi na terça-feira, dia 25, no lote que é conduzido pelos irmãos Anderson, Ademilson e Adriano de Oliveira no assentamento Palú, em Presidente Bernardes. A visita teve o objetivo de conhecer a produção leiteira e o trabalho realizado pelos irmãos que produzem mais de 1.000 litros de leite por dia. “Muito feliz de conhecer esse belo trabalho realizado pelos irmãos e de visitar a região para ver de perto as ações no campo que são realizadas pela nossa equipe técnica”, comentou o diretor. 

Reunião com servidores

Diogo Telles concluiu na quarta-feira a visita de três dias por todos os escritórios do Itesp no Pontal do Paranapanema. Ele conheceu os escritórios, alinhou ações com os servidores e colocou a instituição à disposição para prefeitos e autoridades locais. 
“Importante conhecer os escritórios do Pontal. É a região que mais temos assentamentos rurais. Visitamos dez municípios, conhecemos diversos servidores e passamos a mensagem da importância do Itesp para o nosso público na área rural e urbana. Me coloco à disposição para desenvolver um trabalho que mude a vida das pessoas que mais precisam e pra que isso aconteça precisamos conhecer o trabalho que é realizado na ponta”, disse. 
As cidades visitadas foram Presidente Prudente, Martinópolis, Mirante do Paranapanema, Marabá Paulista, Teodoro Sampaio, Euclides da Cunha, Rosana, Presidente Epitácio, Presidente Venceslau e Presidente Bernardes.

Rodrigo Félix Leal/Divulgação 

“O Paraná lutava há décadas por essa chancela, que vai mudar o patamar de produção da pecuária paranaense, que já é bastante forte. Com o apoio das entidades do setor produtivo, organizamos toda a estrutura de sanidade animal e fizemos a lição de casa. Nossos rebanhos já não são mais vacinados e há anos o vírus não circula mais no Estado. Esse reconhecimento vai ajudar a abrir mercado para a carne produzida no Paraná, ampliando os investimentos no Estado, que vão gerar mais emprego e renda para a população". 
Carlos Massa Ratinho Junior, governador do Paraná, ao comemorar o status internacional de área livre de febre aftosa sem vacinação obtida pelo Estado.

Crédito: Divulgação/SRB 

“Nós defendemos acima de tudo a livre iniciativa e o livre comércio, são bases para o desenvolvimento sustentável, aquele que garante emprego e renda para a população”. 
Teresa Vendramini, presidente da SRB (Sociedade Rural Brasileira), sobre decisão do governo argentino de bloquear as exportações de carne bovina.

Endereços digitais em Venceslau e Prudente 

Está prevista para o mês de julho a entrega dos endereços digitais de propriedades rurais de Presidente Venceslau e Presidente Prudente. A informação é da Secretaria da Agricultura de São Paulo. Já começou e produtores de todo o Estado de São Paulo podem fazer o cadastro de suas propriedades no aplicativo “Rotas Rurais” lançado pela secretaria nas plataformas Android e IOS. O aplicativo vai permitir que o agricultor faça um pré-cadastro de sua propriedade indicando o tamanho do terreno e a localização. O endereço digital será validado, posteriormente, pelos técnicos que farão o trabalho de campo. 
 

Veja também