Durante encontro, Estado presta contas das ações realizadas

PRUDENTE - André Esteves

Data 13/07/2016
Horário 11:21
 

Durante a audiência pública para discutir o orçamento do próximo ano da 10ª RA (Região Administrativa) do Estado de São Paulo, promovida na manhã de ontem, no Centro Cultural Matarazzo, em Presidente Prudente, o assessor técnico da Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado de São Paulo, Mauricio Hoffmann, expôs as principais ações realizadas nos municípios da região e os programas previstos para os próximos anos. Conforme a prestação de contas, o governo do Estado construiu, nos últimos cinco anos, 6.532 novas moradias, enquanto outras 2.970 unidades estão em obras com recursos da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) e do Programa Casa Paulista. Além disso, o Programa Cidade Legal beneficiou 3,5 mil famílias com a regularização de 43 núcleos habitacionais.

Jornal O Imparcial Audiência pública também divulgou principais ações promovidas pelo Estado na região

No campo da saúde, foi inaugurado, em 2013, o Hospital de Porto Primavera, em Rosana. No mesmo ano, iniciou-se o serviço de oncologia no HR (Hospital Regional) Doutor Domingos Leonardo Cerávolo de Presidente Prudente. Os recursos também foram aplicados na ampliação da UTI Neonatal do Hospital Estadual Doutor Odilo Antunes de Siqueira, de Prudente, e na construção do Hospital Regional do Câncer junto à santa casa. Em relação ao atendimento à população, o governo do Estado ampliou os programas SP Amigo do Idoso, que atende a população idosa; Vivaleite, que realiza distribuição gratuita de leite; Renda Cidadã, responsável por transferência de renda, com o objetivo de promover a autonomia das famílias beneficiadas; e Ação Jovem, que prepara jovens carentes para o mercado de trabalho.

Houve também a modernização de sete postos do Detran-SP (Departamento Estadual de Trânsito) nos municípios de Dracena, Junqueirópolis, Presidente Epitácio, Prudente, Presidente Venceslau, Santo Anastácio e Tupi Paulista; a construção de dois novos fóruns nas cidades de Pacaembu e Teodoro Sampaio; e a implantação, desde 2011, de oito novos postos do Banco do Povo, em Anhumas, Caiabu, Caiuá, Euclides da Cunha Paulista, Flora Rica, Narandiba, Pracinha e Rosana.

No campo de logística e transportes, o DER (Departamento de Estradas de Rodagem) finalizou, entre 2011 e 2016, a recuperação e melhoria de 739,5 quilômetros de estradas e 298,6 quilômetros de vicinais. No momento, o departamento realiza obras para a duplicação e melhoria de 101 quilômetros de estradas. O DER também destinou R$ 3,5 milhões para a implantação e ampliação de terminais rodoviários. Além disso, o governo tem investido na ampliação e reforma dos aeroportos de Dracena, Epitácio e Prudente.

No setor da educação, foram construídas cinco novas escolas em Anhumas, Dracena, Lucélia e Prudente (duas). Outras 129 unidades instaladas em 48 municípios da região foram reformadas. Em 2011, a Fatec (Faculdade de Tecnologia do Estado de São Paulo) de Presidente Prudente foi inaugurada. Mais duas unidades estão previstas para os municípios de Adamantina e Martinópolis. Também foram abertas 630 novas vagas com a construção de cinco creches nas cidades de Mariápolis, Pirapozinho, Prudente (duas) e Sandovalina.

No campo da segurança, houve o reforço no policiamento, com a aquisição de 519 novas viaturas e quatro Bases Comunitárias Móveis. Em relação a convênios e repasses, a Casa Civil liberou R$ 93,2 milhões para programas como Água Lima, Fehidro (Fundo Estadual de Recursos Hídricos), Microbacias, Feas (Fundo Estadual de Assistência Social) e Fecop (Fundo Estadual de Prevenção e Controle da Poluição). Na área de reforma agrária, em 15 de março, foi iniciada a entrega de 1.280 novos títulos de Propriedade Urbana na região.

 

Veja também