Franquias de olho no interior para a expansão de negócios

Contexto Paulista

COLUNA - Contexto Paulista

Data 26/08/2020
Horário 09:45

O interior paulista tem um dos maiores potenciais de consumo do país, representando 53,2% do consumo do Estado de São Paulo, segundo pesquisa da consultoria IPC Marketing e Editora. Esse cenário atrai olhares das redes de franquias, que querem aproveitar o momento de interiorização que o Brasil está vivendo e se instalar em maior número de cidades. Um exemplo é a Acquazero, empresa com 320 unidades criada em 2009 com a proposta de limpeza automotiva por meio do uso mínimo de água. De acordo com a percepção da empresa, divulgada esta semana a propósito de sua participação na Feira Virtual de Franquias, as metrópoles deixaram de ter a preferência da população, que agora busca qualidade de vida e melhor relação custo/benefício, com aluguéis mais baratos e melhor mobilidade urbana, entre outros fatores.  "Há alguns anos estamos vendo um movimento muito grande em direção ao Interior", atesta Henrique Mol, diretor-executivo da Acquazero.


Mirando os centros regionais

A rede cita como exemplos dessa tendência de interiorização dos negócios, entre outras, cidades como Sorocaba ,São José dos Campos , São José do Rio PretoJundiaí, Piracicaba , Bauru, Franca, Limeira, São Carlos, Taubaté, Americana, Araraquara, Rio Claro, Araçatuba e Presidente Prudente. Esses centros regionais paulistas estão entre as 130 maiores cidades em potencial de consumo em todo o país. "Temos unidades com excelente desempenho em algumas dessas cidades e sabemos que ainda temos muito espaço para atuar em todas as regiões", diz Mol.

Investimentos no interior

●       Araraquara confirma a construção de um outlet às margens da Rodovia Washington Luís. O investimento será de R$ 400 milhões e a expectativa é que as 200 lojas gerem 3 mil empregos em 2022, quando deve ser inaugurado. O local terá um centro de compras e restaurante. No entorno, haverá hotel, estacionamento e posto de combustível. O objetivo é atrair pessoas de um raio de até 500 quilômetros de distância.
●       Com investimentos de R$ 25 milhões e geração de 300 empregos, a rede de supermercados Muffato inaugurou sua segunda loja em Catanduva.
●       A Rede Tauste de Supermercados vai inaugurar no final de outubro sua terceira loja em Sorocaba. A expectativa é gerar 824 empregos.

Usinas de vento em popa

Desde o início oficial da atual safra 2020/2021, em abril, as usinas do Estado de São Paulo têm produzido uma maior quantidade de açúcar. Mesmo assim, os valores médios da cotação do tipo cristal no mercado spot paulista ao longo desta temporada estão superiores aos verificados na anterior (2019/2020). Esta semana, analistas do Cepea/Esalq divulgaram que os preços do açúcar cristal praticados no mercado spot do Estado de São Paulo seguem em alta. Na quinta-feira, o produto atingiu o maior patamar nominal em três anos e seis meses.

Etanol aquecido

O mercado de etanol esteve mais aquecido na semana passada no Estado de São Paulo, segundo o levantamento do Cepea, devido ao aumento na demanda por parte de distribuidoras. A pesquisa mostra que o volume de etanol hidratado negociado de 17 a 21 de agosto mais que dobrou frente ao da semana anterior (alta de 110%), sendo o maior da safra atual. Nesse cenário, os preços do biocombustível também subiram.

Censo adiado

A cada dez anos, o país realiza a tradicional contagem da população via Censo Demográfico do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). É quando é feita a mais importante radiografia do Brasil. Os indicadores produzidos orientam investimentos e subsidiam políticas implementadas pelas três esferas de governo. O número de habitantes de cada cidade define os coeficientes de repasse do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), principal fonte de custeio da maioria das localidades, bem como das transferências de inúmeros programas federais. No entanto, o censo de 2020 pode vir a ser realizado apenas em 2022 em decorrência do remanejamento de orçamento.

Dados paulistas

O Seade disponibilizou em seu site uma plataforma interativa de consulta de dados sociais, econômicos e demográficos para municípios e diferentes regiões do Estado de São Paulo. Trata-se do Seade Painel, que pode ser consultado no link https://painel.seade.gov.br/
As informações estão dispostas em painéis com gráficos, tabelas e mapas, agrupados em três temas: Demografia, Economia e Social.

Dados paulistas (2)

No tema Demografia, os painéis mostram dados da população paulista em 2020, que podem ser visualizados por município, região administrativa e departamento regional de saúde. Seu conteúdo inclui informações sobre sexo, idade, grau de urbanização, densidade demográfica, habitantes por domicílio e razão de sexo. Em Economia, os painéis trazem as séries históricas do PIB (Produto Interno Bruto) estadual e municipal (2002 a 2019), detalhando taxas anuais de crescimento, índice de volume, estrutura e distribuição por setor de atividade. Há também um ranking do PIB municipal, com consultas por município, região administrativa e porte de população. A pesquisa pode ser feita por município, região administrativa e mês e ano, a partir de janeiro de 2018.

Veja também