Fundo faz apelo para doação de mais agasalhos

PRUDENTE - OSLAINE SILVA

Data 07/05/2017
Horário 09:10
 

Na última edição da Campanha do Agasalho, em Presidente Prudente, que tem como slogan "Roupa Boa a gente doa", foram arrecadadas 160 mil peças de roupas, além de cobertores e calçados. Número que a organização, governo municipal, por meio do Fundo Social de Solidariedade, tinha como objetivo ultrapassar. Porém, ontem, na realização do segundo mutirão em bairros das zonas leste e norte da cidade, a coordenadora da campanha, Kátia Marina Teixeira Guímaro, expôs que temem sequer chegar ao mesmo número em 2017.

"Não tenho nem como explicar os motivos, pois as pessoas estão doando. Mas, cobertores, por exemplo, não conseguimos praticamente nada. Pedimos, encarecidamente que quem puder doar um agasalho, um sapato que não usa mais ou uma coberta, por favor, nos ajude e leve a um dos pontos fixos até o dia 28 de julho", pede a coordenadora.

Jornal O Imparcial Cerca de 400 pessoas participaram dos mutirões de coleta

Ao todo, cerca de 300 voluntários e mais 100 atiradores do TG (Tiro de Guerra) participaram dos dois mutirões realizados na campanha. O secretário parlamentar, Flávio Costa, 28 anos, é um destes. "Participei quando servi, em 2007, como atirador do TG, e depois disso, sempre que possível faço questão de estar com o pessoal. É gratificante poder contribuir pelo menos um pouco, sabendo que estarei fazendo o bem para alguém que precisa mais do que eu", salientou o voluntário.

Os jovens Lucas Tozzi de Oliveira, 18 anos e Ramon Tonzar Silva, 19 anos que acabaram de entrar para servirem a instituição militar estavam com um dos grupos de voluntários, ontem. "É realmente muito bom saber que existem pessoas prestativas, educadas e preocupadas com o bem-estar de outras. Assim fomos recebidos pela maioria das casas em que paramos. Mesmo quem não tinha, se explicava educadamente e desejava que tivéssemos mais sorte na próxima", ressaltou Lucas.

 

Pontos de coleta

Conforme a Secom (Secretaria Municipal de Comunicação), os pontos de coleta espalhados por Prudente são: Banco do Brasil (calçadão), Banco Bradesco, CEF (Caixa Econômica Federal), Santander, Banco Itaú, farmácias Botica Nativa e Magistral, lojas Fórum e Estilo, faculdades, escolas, postos da Polícia Militar, supermercados, Microlins, CNA, Cultura Inglesa, Aeroporto Estadual, empresas em geral, agência Raro, O Imparcial, condomínios, escoteiros Guayporé e Monte Carmelo,  Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), Corpo de Bombeiros, secretarias da Prefeitura/Sassom/Prudenprev, clubes de serviços, como Lions e Rotary, além de órgãos estaduais e federais.

 

Veja também