Publicidade

Idoso é multado em R$ 4,5 mil por manter 9 aves em cativeiro

Em Prudente, no Parque Cedral, policiais localizaram espécies após receber denúncia

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 28/11/2023
Horário 11:24
Foto: Polícia Ambiental
Segundo a Polícia Ambiental, pássaros foram soltos em seu habitat natural e as gaiolas destruídas
Segundo a Polícia Ambiental, pássaros foram soltos em seu habitat natural e as gaiolas destruídas

Um homem, 72 anos, foi multado pela Polícia Militar Ambiental, em R$ 4,5 mil, por manter em cativeiro em sua residência no Parque Cedral, em Presidente Prudente, nove aves silvestres. Uma equipe de oficiais se dirigiu ao local ontem para verificar uma denúncia e se deparou com quatro canários-da-terra-verdadeiros, dois coleirinhos-papa-capim, um melro, uma graúna e um azulão-verdadeiro. “Por terem sido capturados recentemente, os pássaros foram soltos em seu habitat natural e as gaiolas foram destruídas”, informa a instituição.

Jacaré-de-papo-amarelo

Ainda ontem, também em Prudente, a Polícia Ambiental capturou um filhote de jacaré-de-papo-amarelo em uma piscicultura às margens da Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425). “O réptil estava em um dos tanques e foi retirado do local. Como apresentava boas condições de saúde, foi solto em seu habitat natural, mais precisamente no Rio do Aguapeí, no município de Lucélia”, explica o órgão. 

A instituição ainda explica que o jacaré-de-papo-amarelo chega a medir normalmente entre dois e três metros. “Animais adultos tendem a ser de cor verde-oliva enquanto os filhotes são mais amarronzados com costas listradas em preto e pontos escuros na cabeça e lateral da mandíbula”, destaca. 

Polícia Ambiental


Filhote de jacaré-de-papo-amarelo foi capturado pela Polícia Ambiental às margens da SP-425

Vídeo: Cedida/Polícia Ambiental

Publicidade

Veja também