Ligações para 193 serão centralizadas em Bauru

Central de Despacho de Viaturas permanecerá em PP, o que não prejudica a logística dos chamados; em 2020, 14º GB recebeu 108.202 e de janeiro a junho deste ano 47.122

PRUDENTE - ROBERTO KAWASAKI

Data 04/07/2021
Horário 08:08
Foto: Arquivo/Adriano Moneta/SSP
Somente o atendimento das ligações 193 está sendo transferido para a central regional
Somente o atendimento das ligações 193 está sendo transferido para a central regional

A “Central de Emergências 193”, do 14º Grupamento de Bombeiros, em Presidente Prudente, anteriormente instalada no CPI-8 (Comando de Policiamento do Interior), passa por mudanças gradativas em sua estrutura. É que a partir de agora, todas as chamadas telefônicas recebidas pela corporação estão sendo centralizadas em Bauru (SP), assim como já ocorre com os demais grupamentos.

“A medida oferta padronização ao atendimento, triagem, resposta emergencial e controle de qualidade, uma vez que são realizados atendimentos por equipe especializada e com suporte tecnológico para acompanhamento, registros e medições”, explica a corporação. “As ações que unificam o atendimento garantem melhor desempenho para cadastro e despacho de viaturas”.

Ainda conforme o Corpo de Bombeiros, somente o atendimento das ligações 193 estão sendo transferidas para a central regional do Grande Comando de Bombeiros em Bauru. Isso porque, após o cadastro da ligação, a ocorrência é gerada e, na sequência, transferida para a Central de Despacho de Viaturas, que permanece em Prudente. A equipe ficará empenhada em mobilizar o atendimento operacional mais próximo do local da ocorrência, o que não prejudica a questão logística.

Um levantamento fornecido pela corporação mostra que durante o ano de 2020, o 14º GB recebeu 108.202. Já de janeiro a junho de 2021, foram 47.122 chamados. 

Reestruturação na Polícia Militar

A PMESP (Polícia Militar do Estado de São Paulo) passou por uma reestruturação, conforme prevê o Decreto 65.096, de 28 de julho de 2020. Entre as mudanças está a efetivação da regionalização do interior do Estado de São Paulo em três Grandes Comandos de Bombeiros, sediados em Campinas (SP), Bauru (SP) e Guarujá (SP)

De acordo com a instituição, o CBI-2 (Comando de Bombeiros do Interior), sediado em Bauru, é responsável pelo planejamento, coordenação, controle e apoio das atividades técnicas, de logística, operacionais e administrativas dos Grupamentos de Bombeiros. A ele, estão subordinados os grupamentos de Ribeirão Preto (9º GB); Marília (10º GB); São José do Rio Preto (13º GB); Presidente Prudente (14º GB); e Araçatuba (20º GB).

Veja também