Médica estuda correlação Covid e doenças cardiovasculares

Sinomar

A cardiologista Nina Azevedo

COLUNA - Sinomar

Data 07/04/2021
Horário 04:45
Nina: “É uma honra e um enorme prazer dar início a esse tema que tanto venho estudando e vivenciando diariamente”
Nina: “É uma honra e um enorme prazer dar início a esse tema que tanto venho estudando e vivenciando diariamente”

A cardiologista Nina Azevedo, de Presidente Prudente, está à frente do módulo “Covid-19 x Doenças cardiovasculares”, no principal curso direcionado a especialistas titulados em cardiologia no Brasil, o CIRCC Especialistas. Ela desenvolve temas relacionados com aspectos fisiopatológicos da infecção por Sars-CoV2 e sua correlação direta com as doenças cardiovasculares. “É uma honra e um enorme prazer dar início a esse tema que tanto venho estudando e vivenciando diariamente”, comentou a cardiologista, aproveitando para convidar os colegas cardiologistas titulados, que buscam atualização na especialidade com excelência e baseado sempre em evidências científicas, a participarem do CIRCC Especialistas.

Bom dia

“‎Bem-vindo outono! Uma borboleta amarela? Ou uma folha seca? Que se desprendeu e não quis pousar?". Mario Quintana

Melhor usar

Nova campanha educativa pelo uso de máscaras diz:  “A máscara esquenta, aperta e incomoda, mas pode salvar a sua vida”.

Na Holanda

O prudentino Jefferson Oliveira, de passagem ontem pela Holanda, conta que no país o lockdown vigora das 22h às 4h30, mas lojas, restaurantes, museus e atrações turísticas estão fechados o dia inteiro. Quer dizer, mais ou menos, restaurantes, take away ou pedidos pela internet/telefone. As lojas (comércio) estão abertas, mas você só pode entrar se tiver hora marcada (pelo site ou por telefone). Supermercados abertos. Ruas mais ou menos cheias. Pessoas vão e vem normalmente. Mas percebe-se que estão com bem menos movimento do que o normal. “Faz frio. Muito frio! Tipo, 0 grau! Hoje nevou. E eu estava na rua, quase congelei! Amanhã faço um novo teste de Covid-19 [PCR]. Fiz um para poder entrar na França, faço outro amanhã aqui. Detalhe: não se paga nada pelo teste. Se der negativo, você está liberado para andar pra todo lado. Se der positivo... não sei o que acontece!”, narrou Jefferson.

Judicial

Uma decisão da Justiça de Minas Gerais decretou, em uma ação de divórcio, que o ex-marido realize o pagamento de R$ 200 mensais para o custeio das despesas de seis cães, adquiridos durante o matrimônio. O juiz considerou que, ao adquirir um animal, os indivíduos se comprometem a garantir os cuidados necessários. A mulher, autora da ação, alegou que, durante o casamento, as partes adquiriram seis cães de estimação - Nick, Fred, Baby, Laika, Thor e Sharon -, existindo uma forte relação afetiva.
Os cães foram deixados sob sua guarda, depois da separação de fato, e as despesas para a alimentação dos animais giram em torno de R$ 400 por mês. Daí, o pedido de 50% desse valor. O processo tramita em segredo de justiça.

Colaboradores

O Carim (Associação de Apoio ao Paciente Renal Crônico e Transplantado) está convidando aos interessados em serem colaboradores na construção do Hospital do Rim de Presidente Prudente e Região. Para isso, devem entrar em contato com a entidade para adquirir um boleto individual ou mensal e contribuir com qualquer valor. Para mais informações, entre em contato com os telefones (18) 3917-3684 ou 99628-2181 (WhatsApp). Ou fazer um PIX para a chave 06.987.421/0001-34.

Veja também