Mostra de Artesanato reunirá 25 artesãos

Sinomar

A artesã, designer, educadora e empresária Letícia Noya, idealizadora do Projeto Arte Prudente

COLUNA - Sinomar

Data 23/10/2021
Horário 04:45

A Praça do Centenário (Parque do Povo) recebe hoje e domingo, das 9h às 13h, mais uma Mostra de Artesanato “Criando Memórias”, com trabalhos de 25 artesãos do Projeto Arte Prudente. De acordo com a idealizadora do projeto, Letícia Noya, o evento será uma oportunidade para o público conhecer o que é desenvolvido pelos artesãos locais. “Será uma vitrine para os artesãos e artistas de Presidente Prudente e região”, pontuou.

Bom dia
"Dê valor... o tempo não costuma voltar atrás".
— The Pretty Reckless

Antecipação
O Natal está chegando ainda mais cedo este ano. Prateleiras dos supermercados já estão recheadas de panetones.

Mcdia feliz
Você ainda pode ajudar crianças e adolescentes com câncer adquirindo seu tíquete no valor de R$ 17 no dia da campanha, neste sábado, das 11h às 23h, pelo delivery ou no drive-thru dos restaurantes do McDonald's, ou adquirir as camisetas da campanha, no local. Venha fazer parte dessa corrente de amor e solidariedade.

Menu degustação
Novos pratos do cardápio do Palatum Rooftop comemoram um ano de abertura do restaurante. Destaques para: Bloody mary de vieira canadense, confitada e servida com azeite de coentro; Tempurá de flor de abóbora com camarões, gengibre e pimenta Syracha; Ceviche de filét mignon fresco, Gnocchi com pecorino gema curada e salsa trufada.

À memória de Paley, o “Guardião do Parque”

Uma homenagem singela, mas que fica para a posteridade e tem o simbolismo de enaltecer o espírito de cidadania, de todos aqueles que zelam pelo bem público e cuidam da natureza.
Uma pequena placa será descerrada numa ala do Parque do Povo, batizada com o nome do professor Estevão Paley. A ideia foi da atual secretária de Educação, professora Joana d'Arc, em conversa com prefeito Ed Thomas, com o objetivo de enaltecer o feito do professor Paley, que durante dez anos após sua aposentadoria no magistério, passou todas as manhãs cuidando das árvores no Parque do Povo, como ele dizia “mais replantando, do que plantando”, repondo as mudas destruídas pelos vândalos. Ele contabilizou mais de 100 mudas.


Professor Estevão Paley plantou mais de 100 árvores no Parque do Povo

Veja também