Músico prudentino é encontrado morto em cachoeira

Marcio Vagner da Silva Pereira, o Mazinho, será sepultado hoje no Cemitério Municipal São João Batista

PRUDENTE - ROBERTO KAWASAKI

Data 05/10/2020
Horário 09:35
Reprodução/Facebook - Polícia Civil instaurou inquérito para apurar a causa da morte Reprodução/Facebook - Polícia Civil instaurou inquérito para apurar a causa da morte Imagem: Reprodução/Facebook - Polícia Civil instaurou inquérito para apurar a causa da morte

Será sepultado hoje, em Presidente Prudente, o corpo de Marcio Vagner da Silva Pereira, 44 anos, que foi encontrado morto com indícios de afogamento em uma cachoeira do Rio Jaguaretê, que fica entre Iepê e Nantes.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o cadáver foi encontrado na manhã de domingo, na área que fica próxima da Rodovia Eduardo Gomes (SP-457).

Conforme a corporação, uma pessoa disse que foi ao local e visualizou o corpo de um homem que trajava bermuda clara. Segundo a testemunha, ele estava com a cabeça dentro da água e aparentava estar há mais de um dia submerso. 

Os bombeiros estiveram no local onde retiraram o corpo, e deixaram a ocorrência aos cuidados da Polícia Civil que instaurou inquérito para apurar o fato.

Morador de Prudente

De acordo com a 29º Subseção da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Marcio Vagner da Silva Pereira, popularmente conhecida como Mazinho, era servidor do Fórum de Presidente Prudente.

Além disso, ele ainda era músico e tocava em diversos eventos da cidade. 

“Ser humano muito querido. Vamos lembrar dele sempre alegre, divertido e atencioso”, publicou a diretoria da OAB no Facebook. 

Conforme a Funéria Athia, o sepultamento está previsto para ocorrer hoje, às 13h45, no Cemitério Municipal São João Batista.

Veja também