Natal Sem Fome estima arrecadar 50 toneladas de alimentos

Campanha segue até o dia 7 de dezembro e já conta com 30 pontos fixos de coleta, localizados em instituições públicas, bancos, empresas, supermercados e condomínios

PRUDENTE - Da Redação

Data 02/10/2018
Horário 15:37
Marcos Sanches/Secom - Lançamento oficial foi realizado nesta manhã, com a presença de parceiros e voluntários
Marcos Sanches/Secom - Lançamento oficial foi realizado nesta manhã, com a presença de parceiros e voluntários

Com o objetivo de superar as 48 toneladas de alimentos arrecadados no ano passado, o governo de Presidente Prudente lançou oficialmente hoje, a Campanha Natal Sem Fome 2018. Em cerimônia realizada nesta manhã, no auditório do Fundo Social de Solidariedade, o prefeito Nelson Roberto Bugalho (PTB) e a presidente da entidade, Lisiane Bugalho, reuniram parceiros e voluntários para direcionar as equipes de trabalho e traçar as metas desta edição da ação.

Além deles, participaram da solenidade alguns vereadores; a coordenadora da campanha, Kátia Guimaro; e o chefe de instrução do Tiro de Guerra, subtenente José Claudio dos Santos.

A campanha segue até o dia 7 de dezembro. Quem quiser colaborar, basta entregar alimentos não perecíveis nos cerca de 30 pontos fixos de coleta - localizados em instituições públicas, bancos, supermercados, empresas e condomínios - ou então na própria sede do Fundo Social, situada em frente à Casa do Médico.

Assim como nos demais anos, haverá dois mutirões de recolhimento de alimentos, que percorrerão todas as regiões da cidade, com o apoio dos atiradores do Tiro de Guerra de Presidente Prudente. Eles estão previstos para os dias 10 e 24 de novembro. 

“Mesmo com as dificuldades que tivemos nos mutirões do ano passado, por conta da chuva, o volume arrecadado nos surpreendeu. Para este ano, pedimos que a população faça as suas doações nos pontos fixos antes dos mutirões, para evitar que a gente perca doações em razão do tempo”, concluiu Lisiane. 

Com Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

 

 

Veja também