Ovo: alimento que não falta no prato dos brasileiros

No entanto, é alvo de controvérsias: tem gente que diz ser repleto de benefícios, enquanto outros afirmam que pode fazer mal à saúde; nutricionista Rodolfo Zanin esclarece o assunto

Saúde & Bem Estar - OSLAINE SILVA

Data 12/02/2021
Horário 10:25
Foto: Oslaine Silva
Não há refeição que não fique mais gostosa com o acompanhamento de um ovinho
Não há refeição que não fique mais gostosa com o acompanhamento de um ovinho

O ovo é um dos principais itens do prato do brasileiro e é facilmente encontrado desde os ninhos lá nas chácaras, sítios e fazendas, às feiras, bancas e vendedores nas ruas, supermercados e comércios em geral, como açougues e até padarias. Não há refeição que não fique mais gostosa com o acompanhamento dele. No entanto, este alimento é alvo de controvérsias. Tem gente que defende-o dizendo ser repleto de benefícios, enquanto há outros que afirmam que ele pode fazer mal à saúde. A reportagem resolveu esclarecer isso com um profissional da área da saúde que entende do assunto, um nutricionista.
Rodolfo Weber Zanin, nutricionista esportivo e atleta das artes marciais, diz que hoje os estudos têm mostrado que o ovo tem vários benefícios para a saúde, e não é o responsável para o aumento do colesterol como se acreditava antigamente. “Pode ser consumido diariamente, porém, com cautela, pois contém calorias e gordura. Por isso, a melhor forma nutricional de consumi-lo de preferência é sempre cozido ou mexido. Evitar o frito por conta do óleo”, orienta Rodolfo.
Observar sempre a data de validade e armazená-lo preferencialmente em lugar resfriado, na geladeira, são orientações que Rodolfo dá de armazenamento. Entre os riscos de consumir um ovo que não foi conservado e preparado adequadamente está o de uma intoxicação alimentar por bactérias.
Quantas vezes você já ouviu dizer que a gema mole é mais saudável, hein? Pois bem, Rodolfo orienta que de preferência sempre a consuma um pouco mais dura, cozida. “Porque a gema mole [crua] pode conter bactérias ou o contato com a casca sem uma boa higienização pode provocar intoxicação alimentar tipo salmonela”, explica o especialista em nutrição.

ovo faz bem ou faz mal? nutricionista de presidente prudente esclarece

Veja também