Paciente estrangeiro

Toninho Moré

COLUNA - Toninho Moré

Data 24/09/2021
Horário 03:33

Um paciente estrangeiro na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de Covid em Presidente Venceslau. O homem tem nacionalidade de um país do Oriente Médio. Estava passando pela região e se viu doente e procurou a Santa Casa. Desde então está internado.

CONFUSÃO COM COSTUMES RELIGIOSOS
A princípio, o paciente não queria ser tratado por enfermeiras e se mostrava irritado. A sua insistência fez que a diretoria do hospital lhe desse um ultimato para que aceitasse as condições normais de atendimento. Sem alternativa, ele vem se mantendo calmo e com estado de saúde considerado estável.

AGLOMERAÇÕES NOS FINAIS DE SEMANA
Ontem, Presidente Venceslau registrou oito casos positivos de Covid em 24 horas. Os números de contágio dos últimos dias preocupam as autoridades do setor de epidemiologia. Um dos problemas apontados vem sendo a aglomeração de jovens na Praça Nicolino Rondó e na frente de bares. 

A MAIORIA NÃO UTILIZA MÁSCARA
Os jovens não utilizam máscaras nestes locais e alguns na praça seguem dividindo a “biqueira” do narguilé, uma prática que vem crescendo na cidade nos últimos anos. Estes fatos podem estar contribuindo para o aumento do contágio de Covid na cidade. 

PANDEMIA NÃO ACABOU
Além das aglomerações, em muitos lugares durante a semana, as pessoas agem como se a pandemia já estivesse acabada. Ainda não é o momento de baixar a guarda. Apesar do contágio e mortes terem diminuído, o problema continua e muitos podem se contaminar e adoecer. 

NÃO VACINADOS 
Durante esta semana, a enfermeira chefe da Vigilância Epidemiológica de Presidente Venceslau, Grazy Feriani, se mostrou preocupada com o grande número de adultos que ainda não apareceu para tomar a primeira dose da vacina contra a Covid. Ela estima que pelos 4 mil deles estão sem imunização. 

BUSCA ATIVA 
A Vigilância Epidemiológica está efetuando a busca ativa através das unidades de saúde. Visitas são feitas de casa em casa na tentativa de achar aqueles que não foram tomar a vacina. Grazy Feriani disse que o trabalho é intenso, e o resultado tem sido lento. 

QUAL O MOTIVO?
O motivo pelo qual eles não têm aparecido é incerto. Alguns falam que querem tomar a vacina junto do filho ou de um outro ente querido. Outros são resistentes à vacinação. Muitos não têm noção de que agindo desta forma estão colocando a vida deles e de outros em risco, sem falar de que podem jogar todo um trabalho de imunização para o ralo.

VENCESLAU SOLIDÁRIA
A comunidade venceslauense é solidária e unida. A demonstração deste perfil veio em duas ações rápidas nestes últimos dias. A cozinha da Casa do Menor teve problemas estruturais e o teto cedeu. A diretoria pediu ajuda à sociedade e rapidamente teve o setor reformado. 

GAROTO PEDRINHO
Um menino de nome Pedrinho precisou de uma operação urgente nos olhos. Desde a constatação de uma doença na visão, teria dois meses para realizar uma cirurgia, senão correria o risco de ficar cego. Rapidinho, através de uma vaquinha, a família conseguiu R$ 8 mil e, nesta semana, o menino passou pelo procedimento médico e está bem. 

BÁRBARA VILCHES EM BRASÍLIA 
A prefeita de Presidente Venceslau, Bárbara Vilches (PV), foi a Brasília nesta semana. Passou por diversos ministérios e secretárias. Esteve com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e com a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves. Neste final de semana, Vilches deve apresentar um balanço de sua agenda na passagem pelo planalto.

QUIOSQUES DA PRAÇA
A administração municipal de Presidente Venceslau abriu concorrência para licitação dos quiosques da Praça do Correio, área central da cidade. Três dos quatro existentes estão com as concessões vencidas. Como participar da licitação e data da mesma estão no edital no site da Prefeitura.

Veja também