Plantão de multivacinação para prudentinos menores de 15 anos ocorre neste sábado

Treze unidades de saúde disponibilizarão doses dos agentes imunizantes que compõem o Calendário Nacional de Imunização da criança

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 14/10/2021
Horário 14:32
Foto: Marcos Sanches/Secom
Atendimento ocorrerá das 8h às 12h em 13 unidades de saúde de Prudente
Atendimento ocorrerá das 8h às 12h em 13 unidades de saúde de Prudente

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) de Presidente Prudente, por meio da VEM (Vigilância Epidemiológica Municipal), realizará neste sábado o "Dia V" em 13 unidades de saúde, das 8h às 12h, para a multivacinação em crianças e adolescentes menores de 15 anos.

Os postos de saúde disponibilizarão as doses dos agentes imunizantes que compõem o Calendário Nacional de Vacinação da criança, dentre elas a BCG, contra hepatites A e B, penta (DTP/Hib/Hep B), pneumocócica 10-valente, VIP (vacina inativada poliomielite), VRH (vacina rotavírus humano), meningocócica C (conjugada), VOP (vacina oral poliomielite), contra febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba), tetraviral (sarampo, rubéola, caxumba e varicela), DTP (tríplice bacteriana), varicela e contra HPV quadrivalente (papilomavírus humano).

De acordo com a coordenadora técnica de saúde da VEM, Vânia Maria Alves, a ação deste sábado tem por objetivo oportunizar o acesso da população prudentina às vacinas. “Atualizar a carteira de vacinação, aumentar a cobertura vacinal e, consequentemente, contribuir para o controle, eliminação e até erradicação de determinadas doenças imunopreveníveis”, sintetiza.

As unidades selecionadas são as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do Jardim Belo Horizonte, Cohab, Jardim Guanabara e Parque São Judas e ESFs (Estratégias de Saúde da Família) do Jardim Bela Vista, Parque Primavera, Conjunto Habitacional Humberto Salvador, Jardim Regina, Jardim Leonor, Residencial Maré Mansa, Conjunto Habitacional João Domingos Netto, Jardim Maracanã e Vila Marcondes.

As unidades também atenderão os adultos que precisam ser imunizados contra a Covid-19, com a primeira ou a segunda dose, além da dose de reforço para idosos com 60 anos ou mais e profissionais da saúde que receberam a segunda dose há pelo menos seis meses e imunossuprimidos (segunda dose recebida a partir de 28 dias). O imunizante para o coronavírus não estará disponível ao público menor de 18 anos.

Veja também