Postos recebem brinquedos a partir de amanhã

Parceiros disponibilizam 49 caixas em diferentes locais da cidade; população pode contribuir até 2 de dezembro

PRUDENTE - ANDRÉ ESTEVES

Data 02/11/2016
Horário 08:52
 

Com o Natal, o número de cartinhas entre as crianças aumenta e a grande maioria delas pede aquele brinquedo que sempre quis ter. No entanto, para muitos, a concretização do pedido nem sempre é uma realidade. Pensando nisso, a Feapp (Federação das Entidades Assistenciais de Presidente Prudente) e O Imparcialpromovem há 13 edições a campanha Natal + Feliz, que visa a arrecadação de brinquedos para 25 instituições filantrópicas de Presidente Prudente, incluindo aquelas que atendem a idosos, que utilizam os presentes como matéria para suas atividades dentro das entidades. Na manhã de ontem, parceiros da ação estiveram na sede do jornal para acertar os últimos detalhes da campanha, que tem início nesta quinta-feira, quando 49 caixas estarão dispostas em diferentes pontos do município para a arrecadação dos brinquedos. A partir desta data, a população tem até 2 de dezembro para fazer as suas doações.

Jornal O Imparcial Parceiros acertaram últimos detalhes ontem, na sede do jornal

A distribuição às entidades está programada para 9 de dezembro, no entanto, no dia 6 haverá uma entrega simbólica no Prudenshopping, onde um grupo de, em média, 50 crianças que nunca tiveram a oportunidade de ir ao cinema ou ao McDonald’s, será levado para assistir a um filme e comer um lanche no restaurante.

De acordo com o gerente do local, Wesley Fernando Barbato, o McDonald’s contemplará a garotada com a distribuição de lanches, batatas-fritas e refrigerantes, tudo por conta da casa. "Esta mobilização é muito importante para a sociedade e para os nossos funcionários, visto que muitos deles também não tinham condições de ganhar presentes quando crianças e agora têm a oportunidade de retribuir. É gratificante", expõe.

O coordenador da Artenge, Rodolfo Kazi, conta que o empreendimento abraçará a iniciativa pela terceira vez e disponibilizará uma caixa em cada imobiliária espalhada pela cidade. "É uma causa justa e merece o nosso apoio", destaca. Já o capitão do 18º BPM/I (Batalhão da Polícia Militar do Interior), Carlos José Olivetti Fernandes, adianta que, além da disponibilidade de caixas nos postos militares e da divulgação em redes sociais, será promovido no dia 22 de novembro um concerto sinfônico da PM, onde os participantes serão incentivados a doar um brinquedo na entrada do evento.

Segundo o presidente da Feapp, Floriano Ielo, são aceitos brinquedos novos e usados, desde que estejam adequados para uso. "Para a Vila da Fraternidade , por exemplo, poderão ser aproveitados os jogos que fomentam o intelecto, como o dominó, enquanto brinquedos sonoros serão destinados para a Associação dos Cegos", salienta. Floriano voltou a destacar a questão de como será feita a distribuição dos brinquedos. "Selecionamos entidades que não atendam ao público contemplado, a fim de tornar a distribuição imparcial e sem protecionismo", afirma. "Inclusive, convidamos os parceiros a participarem do ato como fiscais e ver que o nosso objetivo é uma divisão neutra", complementa.

O presidente acrescenta que, caso venham a sobrar brinquedos, estes serão doados para filhos de assistidos de outras instituições.

Para a assistente social da Feapp, Fabiana Galindo, a campanha Natal + Feliz é de extrema importância para a sociedade civil, visto que "as entidades filantrópicas são normalmente esquecidas e o Estado não atinge todas elas". "Queremos mobilizar a população e incentivá-la a contribuir com a causa e conhecer o trabalho das instituições", pontua.

 

Parceiros


Estão unidos na causa e disponibilizarão caixas de coleta em seus locais de atuação os seguintes estabelecimentos: Artenge; D. Ponta; Empresa Transportes Andorinha; Audi Propaganda; Band FM; Energisa; Colégio Braga Melo; Colégio Multiplus; Colégio Objetivo; Cultura Inglesa; Hotel Portal D’Oeste; McDonald’s; Moviecom; 98 FM; PB Lopes; Rede de Postos Prudentão; Polícia Militar; Prudenshoping; RG Mídia; e Sebrae.

 

Veja também