PP oferece oportunidade de saber mais sobre batata doce, na 2ª Batatec

EDITORIAL -

Data 15/06/2019
Horário 04:00

 

Este fim de semana, hoje e amanhã, Presidente Prudente oferece mais um grandioso evento aos seus munícipes e vizinhos de toda a região, no Centro de Eventos IBC (Instituto Brasileiro do Café). Trata-se do 2ª Feira da Batatec (Feira Tecnológica da Batata Doce). A feira não apenas promove um encontro de produtores dessa cultura, como apreciadores que tem o mesmo desejo de fomentar a cadeia produtiva desse tubérculo riquíssimo em questões nutricionais e também econômica, na região.

Além disso, atletas sabem bem os benefícios que esse tubérculo possui, como baixo índice glicêmico, por conta de sua absorção ser mais lenta, evitando picos de insulina. É riquíssimo em teor das vitaminas A, vitamina C, vitamina E, e vitaminas do complexo B, que são essenciais para pele e para a formação do colágeno.

A Batatec veio para somar essa cultura! O evento mostra em sua programação as tecnologias em termos de empregabilidade e alimentação. Expositores de maquinários e produtos agrícolas, atrações musicais, food trucks, cervejas artesanais de batata doce, feira de artesanato e atrações infantis, tudo isso pode ser apreciado, prestigiado neste evento.

Como noticiado na edição deste impresso, na edição de ontem, a Unoeste (Universidade do Oeste Paulista), e parceiros, realizou no 2º Simpósio de Batata Doce, uma mesa redonda para discutir trabalhos acerca da cultura. Entre os projetos, um dos destaques veio com a pesquisadora da Apta (Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios) de Presidente Prudente, Amarílis Beraldo Rós, que está à frente de uma pesquisa que busca fomentar a produção da batata doce “mais bonita”, coloridas, mais produtivas e com formatos e características que agradem ainda mais seus produtores rurais e consumidores, podendo assim impulsionar “a produtividade e, consequentemente, o consumo do tubérculo”.

Além de saudável, a batata doce pode gerar uma economia vantajosa para os municípios. Versátil, a batata doce é rentável e não são poucas as notícias sobre a produção ter se mostrado uma boa opção para agricultores.

Cá estamos, um programa interessante para toda a família neste sábado e domingo.

 

Veja também