Prudentinas disputam seletiva para Mundial de Revezamentos

Maria Victória e Giovana Rosália vão para o Open de Velocidade dos 100m e 400m, visando campeonato em maio, na Silésia, na Polônia

Esportes - OSLAINE SILVA

Data 09/04/2021
Horário 07:00
Foto: Sergio Borges
Giovana Rosália, Inaldo Sena e Maria Victória, equipe Fundact/APA/Semepp
Giovana Rosália, Inaldo Sena e Maria Victória, equipe Fundact/APA/Semepp

As atletas prudentinas da equipe Fundact/APA/Semepp, Maria Victória Belo de Sena e Giovana Rosália dos Santos, 20 anos, disputam nesta sexta-feira e domingo, no CNDA (Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo), em Bragança Paulista (SP), o Open de Velocidade, uma seletiva para o Campeonato Mundial de Revezamentos de Atletismo, que será disputado nos dias 1º e 2 de maio, em Silésia, na Polônia.
A competição deste fim de semana, realizada pela CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo), tem como objetivo dar oportunidade aos atletas de tentarem boas colocações no ranking brasileiro dos 100 m (metros) e 400 m, visando o Mundial. A marcação das provas considera o quadro agravante da pandemia da Covid-19, que nos últimos meses impediu a realização de competições nacionais e estaduais.
Em virtude do prazo de encerramento da obtenção de marcas no domingo, a CBAt realizará em caráter extraordinário o torneio com única e exclusiva intenção para que sejam minimizados os prejuízos por parte dos atletas que devido às restrições impostas pela pandemia não competiram na última temporada.
Podem participar do Open os 25 primeiros colocados do ranking brasileiro nas provas de 100m e 400m masculino e feminino, no período de 28/08/19 à 04/04/21.
Batendo um papo rápido pelo WhatsApp com Maria Victória, a menina que agora pertence ao quadro de atletas das Forças Armadas do Brasil competiu pela última vez em dezembro no Troféu Brasil de Atletismo, quando ficou com o bronze nos 400m. Vick disse que vai tentar melhorar sua marca que, inclusive, foi recorde brasileiro sub 20, com 52’60. 
Sobre estar na Marinha, Vick exaltou que sempre teve esse sonho desde o início do atletismo. “Me sinto muito feliz e honrada em representá-los. Além de ser um grande patrocinador, apoiador do atletismo e vários outros esportes, a estrutura que a Marinha vai disponibilizar para os agora formados terceiro sargentos é incrível. Tem toda uma estrutura econômica, de hospedagem, alimentação, hospitalar, treinamento, tudo no Rio de Janeiro. Estou muito, muito feliz mesmo!”, destacou  Maria Victória, que é filha do técnico Inaldo Sena, que vai acompanhando as atletas.
Segundo o treinador, ele acredita no potencial das suas comandadas para uma boa participação. “Estamos vivendo um momento muito triste e difícil para todos e no esporte não é diferente, mas tomando todos os cuidados vamos para esta competição tentando fazer o melhor para o atletismo de Presidente Prudente, pois confio muito em nossas atletas. Quero agradecer o nosso secretário [de Esportes] André Domingos pelo apoio ao trabalho do atletismo em Prudente”. 

A adrenalina de competir

Segundo Giovana Rosália dos Santos, sua melhor marca da vida é 53’38, índice para o Pan-Americano em 2019. Em 2020, ela diz não ter feito nenhuma marca expressiva. Seu último torneio foi em Bragança Paulista em 18 de novembro. Em dezembro, ela teve uma inflamação que a tirou do Troféu Brasil de Atletismo
“Ficamos um tempo parados e voltamos a treinar há pouco tempo, mas as expectativas são muito boas, vamos para essa competição para tirar um pouco o peso e sentir a adrenalina de novo. Adrenalina de competir, de vivenciar novamente como é, e depois voltar para casa sabendo o que temos que arrumar. Vamos dar o nosso melhor, nós sabemos, mas também temos a consciência que não podemos nos cobrar, pois não estamos 100 %. A pandemia está atingindo a todos né, então precisamos ter consciência”, expõe Giovana Rosália.

box
PROGRAMAÇÃO FEMININA

Hoje

14h – 100m feminino – semifinal
14h30 – 400m feminino – final por tempo
14h50 – 100m feminino – final

Domingo 

10h – 100m feminino – semifinal
10h30 – 400m feminino – final por tempo
11h10 – 100m feminino – final


 

Veja também