Recinto de Exposição passará a abrigar Secretaria Municipal de Turismo

Atualmente, sede da pasta funciona na Cidade da Criança; Jacob Tosello também foi escolhido para operar como um distrito industrial voltado ao turismo

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 27/05/2020
Horário 16:43
Marcos Sanches/Secom - Reunião do Executivo contou com a presença de representantes do setor de eventos e entidades Foto: Marcos Sanches/Secom - Reunião do Executivo contou com a presença de representantes do setor de eventos e entidades

Com o objetivo de discutir a instalação do CIT (Centro de Integração Turística), o prefeito de Presidente Prudente, Nelson Roberto Bugalho (PSDB), e o secretário municipal de Turismo, Fábio Nougueira, participaram de reunião na manhã desta quarta-feira, no Recinto de Exposição Jacob Tosello, com a presença de representantes do setor de eventos e entidades. Na ocasião, Fábio adiantou que o prefeito autorizou a transferência da sede da Setur (Secretaria Municipal de Turismo) para o Recinto, local que deverá abrigar também o CIT. O chefe do Executivo destacou que o espaço é um local privilegiado e de fácil acesso na rodovia.

Conforme o secretário de Turismo, a intenção é de oficializar junto ao governo estadual a concessão definitiva do Recinto de Exposição, isso para viabilizar a instalação das empresas do ramo de eventos no local para possibilitar que o turismo torne-se um dos grandes geradores de emprego.

Segundo Bugalho, já foram investidos mais de R$ 300 mil para recuperar a malha viária do local. Com as alterações, a intenção é oferecer um ambiente familiar e com atrativos que possam funcionar durante o ano, sendo que os leilões, assim como o uso do Tatersal, serão mantidos no local.

De acordo com o presidente do Codepp (Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico), Marco Goulart, trata-se de um excelente espaço que poderá ser ocupado por diversos segmentos, não apenas de eventos, mas também do agronegócio em geral, com projeção para se tornar espaço de negócios de Prudente.

O CIT consiste em um distrito industrial, porém dedicado exclusivamente ao turismo. A ideia é centralizar e agregar setores e segmentos do turismo em um local equipado e projetado para suprir necessidades de empresas e também do microempreendedor individual.

Fábio apresentou as instalações e explicou aos presentes a respeito da elaboração de um planejamento estratégico do CIT. O secretário mostrou ainda às instalações aos representantes do setor de eventos e explicou como deverá ser a ocupação do local, que conta com 11 barracões.

Os representantes aprovaram a iniciativa. Estiveram no local empreendedores ligados aos setores de eventos, locação de iluminação e materiais audiovisuais, entre outras, que atuam na organização de festas, formaturas, casamentos e eventos em geral.

Veja também