"Sociedade pode e deve contribuir para erradicação”, diz desembargador

VARIEDADES - Oslaine Silva

Data 23/07/2016
Horário 08:57
 

A exposição "Um mundo sem trabalho infantil", iniciada ontem, é uma iniciativa do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem, instituído pelo TST (Tribunal Superior do Trabalho) e pelo CSJT (Conselho Superior da Justiça do Trabalho), que fica no Fórum Trabalhista de Presidente Prudente e segue até o dia 29 de agosto. De caráter itinerante, ela já foi exibida em Brasília (DF) – no próprio TST – e Curitiba (PR), onde foi realizada simultaneamente na sede do TRT da 9ª Região (PR) e no Fórum Trabalhista do município. Em Presidente Prudente, o evento conta com o apoio da Procuradoria do Trabalho no município.

Jornal O Imparcial Diversas autoridades participaram do lançamento da mostra, ontem, pela manhã, no Fórum

O presidente do TRT (Tribunal Regional do Trabalho) da 15ª Região, com sede em Campinas (SP), desembargador Lorival Ferreira dos Santos, que esteve abrindo a solenidade de inauguração da mostra, salientou que o objetivo da mesma é conscientizar a sociedade de que é preciso, com urgência, exigir o respeito aos direitos desses jovens, conforme estabelece a legislação brasileira, sobretudo a Constituição Federal e o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

"Não se trata de uma luta sem causa: a Pnad do IBGE aponta que, depois de sucessivas quedas, houve aumento de 4,5% nos casos de trabalho infantil no país em 2014, na comparação com o ano anterior. A sociedade precisa se conscientizar e contribuir conosco na erradicação desse mal", acentuou o desembargador.

Na mostra, documentos históricos, fotografias, cópias de peças processuais, vídeos com depoimentos, cartilhas e gibis educativos retratam como ainda hoje, este é um problema agravante no país, com crianças e adolescentes executando trabalhos perigosos e insalubres, incluindo atividades criminosas como escravidão, abuso sexual e prostituição infantil. Tudo isso está revelado em 21 grandes painéis, com fotos e textos e um deles chama a atenção para uma "linha do tempo" do trabalho infantil no Brasil.

Autoridades de vários setores do magistrado da cidade e região, pastas municipais como da Educação, Saúde, Cultura, OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), instituições de aprendizagem, entre outros vários estiveram presentes no evento de ontem.

 

serviço

AOS INTERESSADOS


Quem quiser ver a exposição que segue até 29 de agosto, das 11h às 17h30, no Fórum da Justiça do Trabalho, o endereço é: Avenida 14 de Setembro, 1.080, Parque do Povo, em Prudente.

 

Veja também